Via R�pida

música . espectáculos . anti-critica .



Contactos

�lvaro costa
elvis sandokan
jorge manuel lopes
la peste, rep�rter internacional
miguel quint�o
paulo garcia
ricardo salazar
rui malheiro



Outras Vias

anabela duarte
blind zero
blitz
cody chesnutt
f�rum m�sica
f�rum sons
gregory palast
legendary tiger man
mondo bizarre
new musical express
nirvana
rock's backpages
terceiro anel
xutos


Blogues

a pensar morreu um burro
�gua t�nica e ginger ale
ampola faz pop
anteestreia
automatic stop
aviz
blogacha maria
canal maldito
cinema paraiso
cr�tica lusa
cr�nicas da terra
epiderme
ginjinha
hang the dj
harmonia do barulho
horas perdidas
mar salgado
meliante
music is math
nave dos suspiros
pautas desafinadas
pirilampo m�gico project
ponte sonora
rio ave fc
roda livre
santa ignor�ncia
serendipitous cacophonies
sof� verde
sol da meia noite
trompa
vidro azul
vilacondense
vila do conde quasi di�rio
xway

 


Arquivos

06/01/2003 - 07/01/2003
07/01/2003 - 08/01/2003
08/01/2003 - 09/01/2003
09/01/2003 - 10/01/2003
10/01/2003 - 11/01/2003
11/01/2003 - 12/01/2003
12/01/2003 - 01/01/2004
01/01/2004 - 02/01/2004
02/01/2004 - 03/01/2004
03/01/2004 - 04/01/2004
04/01/2004 - 05/01/2004
05/01/2004 - 06/01/2004
06/01/2004 - 07/01/2004
07/01/2004 - 08/01/2004
08/01/2004 - 09/01/2004
09/01/2004 - 10/01/2004
10/01/2004 - 11/01/2004
11/01/2004 - 12/01/2004
12/01/2004 - 01/01/2005
01/01/2005 - 02/01/2005
02/01/2005 - 03/01/2005
03/01/2005 - 04/01/2005
04/01/2005 - 05/01/2005
05/01/2005 - 06/01/2005
06/01/2005 - 07/01/2005




leitor(es) on-line








�ltimas Actualiza��es








Design: Blogfrocks
Suporte: Blogger
Fotografia: Troy Paiva
Coment�rios:HaloScan

 


sábado, abril 30, 2005

 

GIRLS: AJUDEM UM POBRE PAI!: 4 Bloguices cumpridas.Como tratar de um Bonsai.Sei , porque o meu , coitadinho, morreu.Criatura delicada.Na altura ainda nao era Dad de uma alucinada rock and roll Baby, que vai � discoteca , e nao quer o Pai por perto, no proximo domingo , na matinee de aniversario organizada no Twins , por um dos seus amiguinhos de escola , e de nome " blue blood", tr�s Foz, very indeed.Demasiado , para um rapaz que mistura sangue transmontano, batido no shaker por uma "pomada" de sangue do encantador Vale do Sousa, refor�ados por uma infancia caxineira/vareira e uma naturalidade massarelense .Tudo servido sem gelo, como os JDs( e eam uitos.E de hombre) que partilhava com o cowboy de Lx( estejam atentos a uma proxima edi�ao do sempre influente Noticias Magazine) antes de ele me levar � Portela , para mais uma aventura tran.atlantica.Nao perdi o fio da meada.A minha filha de 5 anos vai � discoteca.Estou nervoso.Com, o ex namorado Manuel Maria.De 6 anos.O quarto, este ano.Girls do blogue, ahudem-me.Please!

BANDA SONORA:ChemicalV Felix o gato da casa




escrito por alvaro �s 6:37 da manhã
|




 

UMA ASSINATURA 96 PARA O PHARREL..J�!: Esta quase a ser inaugurada, ou melhor j� foi, a epoca festivalicia.Nao estive no Atlantico.Confesso que nao estaria ," nem que me pagassem"; estivesse no Vasco da Gama.No muito agradavel Tivoli Tejo, ou a arrumar carros em Chelas City.At� porque i dont give a fuck( e insisto , eu!nao � um edital, nem uma lex regia) pelas declara��es de amor eterno da Skin.Que, tal como os outros de Portugal para aqui e para ali, deveriam materializar essa paixao, mudando-se para c�, e assim contribuindo para a nossa economia, gastando , consumindo.Whatever...e adiante.Ja a seguir o , TMN/24,e ha que o dizer, conceptualmente muito interessante,mas pobre de sais minerais e vitaminas, como creio dizia um anuncio antigo.E ja se percebeu que a forma, � de facto o conteudo.E que a quantidade neste caso, at� deve ser mais barata.E , segredo do metier, perfeitamente legitimo, mas que gostaria de " espreitar": como os NERD, nao estarao c� pelos telemoveis; pelo FCPorto e possivelmente nao estarao pelas lindas mo�oilas lusas que nao terao booty( rabinho, boys and girls ) suficiente para entrarem no proximo video do Snoop, creio que estarao c� pelo Bling, que pelo contexto destes 2 shows, nao deve ser assim tao desprezivel.A seguir, embora nesse fim de semana esteja a cumprir mais um periodo, de "internamento" na Clinic de Alacoba�a..

BANDA SONORA:esta cena de ser DJ amador � gira: percebi que o ppl gosta muito dos Bros Quimicos.Estou numa de juntar re.mixes para dar alegria a quem a merece..




escrito por alvaro �s 6:09 da manhã
|




 

A NIGHT IN TOWN: Enqunto como Pasteleira Diablo, aproveito esta noite caseirona para " arrumar" os instrumentos de trabalho,como AC, termino este filme chamado Bang Bang em Palm Springs da mente.Ainda recentemente, o Dr Rock citou a celebre "Lennonice", sobre aos que deviam chocoalhar as joias, refer�ncia retirada de um espectaculo "amadrinhado" pela Rainha nos anos 60.A imagem � exagerada , para definir uma parte da noite com Nancy S.Menos " bling", mas nao deixou de ser curioso, que uma parte desse publico, nao fizesse a minima ideia do que ia ver e ouvir.Sinatra, e agora digo-o ,mais uma vaga ideia ye ye, ou pop da sua juventude , no Twins ou falecido Dona Urraca hoje Pop.Nada contra o " tribalismo".E divertem.me as "esquinas" que percebi imediatamente se encontram nos Foyers.Ou na escadarias espirituais.Mas confesso que tive nostalgia de um publico ( e aplauda-se o esfor�o sexagenario made in Beverly Hills da artista em criar comunica�ao e sair " em ombros".Merecidamente) que soubesse o que era a Wrecking Crew; Lee Hazelwood( gravemente doente e a quem Nancy S dedicou parte do espectaculo),Clem Burke dos Blondie .E alguns dos nomes citados, " virtualmente" presentes como Morrissey num backtrack, possivelmente o momento mais " moderno" que nao actual da set list da noite.E muito especialmente sobre o valor iconografico da Dama.O que nao quer dizer que uma boa parte nao o soubesse; se manifestasse nos momentos certos.Incluindo fans hard core manifestamente emocionados por estarem bem perto da Diva.Mas faltou , a "celebra�ao".E confirma.se a ideia que o bom Ze Pedro, ja tinha explicado nos Bons Rapazes: a sala 1, its not rock and roll.Nao tem de ser, mas nao o �.E ontem , tecnicamente, o JP Coimbra, ainda baterista, explicou o seu angulo de " visao sonora".A sala � LINDA.SACRA: mas nao � rock and roll.Mesmo.E agora ,deixo para os escribas, e estavam l� muitos , amigos, conhecidos e desconhecidos, a explora�ao de outros angulos.Alias possiveis.

BANDA VISUAL: ensaiado? talvez.Mas nao pareceu.E nao seria possivel noutra sala .Cumprimentar, pessoalmente, uma boa parte da audi�ncia.A mim coube-me o refrao de These Boots e um olhar algo vidrado, num corpo inacreditavel para uma mulher de 65 anos.Telefilme em perspectiva...




escrito por alvaro �s 5:09 da manhã
|




 

PASTELEIRA DIABLO: Disse-o aos microfones da RDP e ja o tinha referido neste " cubiculo", que seria necessario algum tempo de respira�ao ao projecto House .da Musica.Mas tambem o disse, e as meus " comicios" valem o que o " mercado"( e aqui temos varios angulos, e " cambios" ) definir,que uma das fun��es seria encontrar espa�os vazios, que a industria e alias vibrante da musica ao vivo em Portugal, ainda nao absorva ou permita.Neste contexto , o momento Las Vegas, no Porto , representado por Nancy( foi assim que se apresentou) cabe perfeitamente.O que seria um espectaculo de Casino( e aten�ao que nao estou a ser " engracadinho"; por vezes , os mesmo tapam esses buracos, e se nao " sobem a fasquia" tem mais a ver com o "publico" esse indefinivel ser, do que com as vontades de alguns responsaveis da anima�ao.E respect: sou voz oficial h� mais de 2 anos dos Casinos Solverde.Um ganha p�o importante ,que levo muito a serio) tornou-se mais aberto e "exposto".Alargando a oferta habitual do mercado, que nao teria e sem duvidas, quem o " comprasse".Sem a sala 1, o Porto e o Pais( estavam l� nomes e figuras com base in LX) nao teriam tido a oportunidade de homenagear um icon pop.E como a can�ao final de Lee Hazelwood, dizer So Long, filha do Pap�, a forma como se referiu a Ol Blue Eyes.Sem nunca ter citado o seu nome.Neste contexto que trouxe para aqui, uma noite correctissima

BANDA SONORA: A mix de John Tejada para Such Great Heights, que entrou directamente para a primeira hora da tabela...pois...do 7 do Pasteleira Diablo




escrito por alvaro �s 4:29 da manhã
|




 

FRANKENSTEIN: Um plano de cinema: um zoom sobre uma sala;no mesmo espa�o ultra-design, tipo Las Vegas uber-chic, por magia tipo Twilight Zone estao: Lee Hazelwood; Casey Chambers;Frank Sinatra;Jarvis Cocker; Morrissey.Nao se conhecem.Ate se ignoram.Ou mesmo se evitam.Mas estao ali.De subito , surgem sons.Uma especie de mega mash-up , onde pedacinhos de can�oes que escreveram ou interpretaram se fundem numa voz ja meia tremula, "estragada" por anos de dem�ncia show biz.Mas e por isso mesmo iconografica, por vezes des.criogenada."Beverly Hills" no seu significante mais extremo e deca.dente.Apenas um sonho, ou um plano breve de filme.

BANDA SONORA: o sr Mylo a destruir ironicamente o rock and roll, ou melhos os seus anos 80, cujos "restos mortais", tal Dr Frankestein do som, re.monta magistralmente.Perverso.E nota: Dr Frankenstein � o nome do cientista e nao da sua cria�ao.Shelly nao nomeia a criatura, ja que ela nao poderia existir aos olhos de Deus.




escrito por alvaro �s 4:02 da manhã
|

 



sexta-feira, abril 29, 2005

 

FECHEM AS VOSSAS FILHAS: Nada a ver, ate e presumo pelo caracter excepcional da mini tour nacional dos N.obody E.ver R.eally D.ies.A questao editora , nao � nova.O fim do projecto, sendo aparentemente um projecto lateral , dos Neptunes, nunca seria uma noticia bombastica, at� porque a fabrica de Virginia Beach continua a laborar a todo o gas: Carey, Snoop sao alguns dos ultimos artistas a serem aben�oados, pelos Reis Midas sonicos.A que me refiro? simplesmente � completa aus�ncia de noticias quer no site, praticamente criogenado h� varios meses e mais especialmente no Pollstar, onde apenas se indica que estes artistas nao estao em tour.Como disse , seria estranho se..mas como efectivamente se trata de um convite especial , de altissima cortesia e aposta forte, face aos contextos de carreira suspensa da banda, e �-o de facto, do sex symbol do momento, o que implica e segundo as minhas fontes mais juvenis, que se vai mesmo � " ver" o man...

BANDA VISUAL:um video assim meio manhoso, creio que da fase I dos NERD, com o Pharrel de bigodinho e umas gajolas malukas,na emissao nocturna, creio do Viver, que apresenta umas cenas do genero...




escrito por alvaro �s 6:03 da manhã
|




 

MIND GAMES: Ainda Sly and The Family Stone.Mais tarde sob a cocaine.paranoia, apenas Sly.Uma historia unica: voz de radio baritono; pioneiro da FM em San Francisco.Lider de " culto multi.racial" leia-se banda , algo " impossivel" para a epoca.Inventor sonoro, de uma musica " sem cor", Miles Davis da pop.Mais um " comido" pelo mito de Staggerlee, o negro auto-destrutivo , alma penada que Marvin, Hendrix,D.O.B, d Angelo,Arthur Lee e tantos outros terao reconhecido numa noite de ventos de Santa Ana, diabolicos, soprados a partir do deserto de Mojave e que atormentam, sem aviso, a cidade de todos os anjos e demonios conhecidos da humanidade.Noite Sly, chez moi.E a proposito, lembro.me e quase sempre existem angulos nacionais, para estas historias de uma carochinha show biz, de ter "testado" , jovens artistas lusos , e foram varios que em 90 e tais, fizeram profissao de f�, do funk.Se , nao reagissem a Sly, Meters, ou Rare Earth entre outros, eram riscados do " mapa".Mind games inocuos e possivelmente divertidos.Possivelmente porque levei com numeros semelhantes, "testes" de veteranos, como o incomparavel Art Fein/ perguntem ao MQ que ele diz-vos quem �, at� porque o conheceu pessoalmente...

BANDA SONORA: a historia deste disco � agora bem mais acessivel.Disco a solo, indeed.E primeiras incursoes pelas maquinas de ritmos, electro funk pesado, desconjuntado, cocainizado...




escrito por alvaro �s 1:27 da manhã
|




 

IT S A FAMILY AFFAIR: Por falar na minha rock and roll baby: apesar do caracter mais pessoal desta tasca, e do family affair, que cada vez mais todos sentimos, e cuja vibe, me impede de pensar mais do 4 segundos em a fechar para obras,ou abrir sob nova ger�ncia, existem areas que sao muro de Berlim.Esta � naturalmente, uma delas a nao ser quando numa frase , uma crian�a define os nossos tempos.Esta tarde, ali para os lados de Cristo Rei( � Marechal), converse um pouco com o Pedro Romao, um dos meus amigos do mundo do futebol, jovem agente , que passa agora muito do seu tempo em Londres.Os filhos dele e a kiki, brincaram um pouco e no final , ela perguntava-me se era apenas de " encontrar, ou tinha o numero de telefone dele..".Ora ai esta, uma ideia do nosso tempo.Os nomes e respectivos numeros de telefone sao o centro, que as crian�as sec XXI, criam.E tudo porque h� tempos tive de lhe explicar que conhecia a Rute Marques mas nao tinha j� o seu numero de telefone.O que para a rock and roll baby, � segunda divisao, exiilio, lista negra, mais um dos " dah, do pior Pai do mundo.."

BANDA SONORA: a segunda can�o da " minha" banda sonora. Its a Family Affair.35 anos depois " blood is thicker than the mud" e as outras roucas e de.mentes cenas criadas pelo alucinado Sly.




escrito por alvaro �s 12:24 da manhã
|




 

DA ALMA; DO BLING; E DO FUTURO: Uma das razoes porque gosto e muito dos ESoul tem a ver com o humor, a boa onda e algum hedonismo.E celebra�ao.Ainda longe e ainda bem, da delirante cultura Bling( joias e ouro , ouro e joias, jantes e dentes, dentes e jantes) Crunk( crazy drunk ) de Lil Jon , Luda e outros distintos cidadaos, de Atlanta , onde se encontra a fazer justi�a ao seu nome o Miguel( Amerika).Mas , a criar um design menos " militante", " real" , mas a fazer antever que as proxima gera��es, por exemplo a da minha baby, que cresce com o hip-pop e vai naturalmente absorver os codigos, vao seguir caminhos mais ao " centro".O proximo disco( at� porque este � o resumo de alguns anos de " tropa") vai ser fundamental.Espero altas cenas do colectivo de Le�a City

BANDA SONORA: precisa de um shampoo digital, que o torne realmente " analogico".Mas There is a Riot � um momento irrepetivel.




escrito por alvaro �s 12:10 da manhã
|

 



quinta-feira, abril 28, 2005

 

MARIO S WORLD TOUR 05: Uma noite suave.aDOCICADA, como h� muito nao se " tocava" para estas bandas atl�nticas.Apetece sair, mas estou numa de escrita.At� porque regressei agora mesmo, da data final da Mario Augusto World Tour e pela quarta vez ajudei a des.cobrir um livro de historias; memorias; semi documental; parcialmente autobiografico.E muito dele.Do mesmo que recorda a monumental historia do aparelho de TV pendurado na sempre " jovem" Conde de Aviz � baixa do Porto.Para que a loucura de meados de 80 se concretizasse: oscars live na radio, via TVE exibida por parabolicas ilegais.Sem rede, nem tapete, nada.Apenas loucura inocente.Nossa.De uma gera��o que cresceu sem saber, e repito o titulo da inesquecivel Banda do Casaco, se amanha haveria conquilhas.Foi o que recuperei desta tour que me levou �s Fnacs, a uma faculdade e a Penafiel.E me fez acreditar que afinal a matematica ,que o meu querido Pai, tanto desejava para mim, e onde quer que ele esteja,ainda nao me fez jeito nenhum..

BANDA SONORA: irresistivelmente pedrado.Marado.Indefinivel, mais de 35 anos depois; o que creio ser , ou come�a a ser " o meu disco": There Is a Riot Going On.Do extraterrestre Sly Stone




escrito por alvaro �s 11:49 da tarde
|




 

MAUS RAPAZES, BOA RAPARIGA: H� quem considere os Bons Rapazes, o melhor , ou pelo menos o mais " diferente", ou l� o que quer que seja.Sao 2 anos.Pouco explicados, nada contextualizados.Muito sentidos.Suados.Vividos como se amanha nao houvesse conquilhas.O que lhe d� esse tom por vezes urgente, � beira do precipicio, porque � assim que de facto � feito.E o seu contexto mais profundo.Zigs e Zags de comunica��o , que nem os sheriffs residentes , por vezes controlam.Jogadores de equipa como o Ze Pedro e o Freitolas, que sabem aparecer e desaparecer regularmente.E estradas " secundarias" ou inesperadas que nos surgem sem qualquer aviso.Como irao escutar no proximo domingo.Pela I 15 da mente, num Chevy Nova, desta vez conduzido pela " doutora" e por Tom Russe, autor de um brilhante, conceptualisim, e inspirado HotWalker.Com os habituais lone rangers no banco de tras.Este post it, sera re.tomado, na altura certa.At� porque, aguardo a confirma�ao do que escrevi, l� em cima.

BANDA SONORA: DFA AO PODER




escrito por alvaro �s 4:16 da manhã
|

 



quarta-feira, abril 27, 2005

 

loaded: divulguem e apare�am... n�o digam que afinal n�o se pode dan�ar nesta cidade...

fritus potatoes suicide ( electro-dance- rock clash punk mash and roll )
sexta- 29 abril

salazar, dr. ( m�sica para amar, sonhar e dan�ar dos 6 aos 66 )
s�bado 30 abril

22h - 02h

on the RADIO
rua de miragaia, 167. junto � alfandega.
sem consumo obrigat�rio

porto 2005 "despite all the amputations you can dance in a rock n roll station"...




escrito por Ricardo Salazar �s 2:01 da manhã
|




 

VEIO.ME � TOLA!: Uma ideia que entreguei a alguem.Mas para a qual podem, devem e at� caso a achem interessante contribuir, ajudar , colocar em movimento.Em primeiro lugar, o aumento do meu tmepo passado a olhar e espreitar blogs da mesma area.E quanto mais gosto dos " animais,menos gosto dos homens", adagio para ser evidentemente traduzido para : cada vez gosto menos do que leio , nos "oficiais"; das 2 paginas para falar deste e daquele, e nao sei de quem mais.Agora viva Montreal .E os soliloquios academicos/ escolasticos/ CHATOS; nos delirios interpretativos sem rei nem roque e acima de tudo sem "treinador" que os coloque e j�, de uma forma eterna , no banco.Depois a edi��o anual da Da Capo.,sobre a melhor escritica ( leia-se critica escrita) do ano.Traduzindo para portugu�s: a ideia de uma compila�ao mensal dos melhores textos, mais criativos, mais polemicos da bloglandia lusa, ligada a este biz que nos faz perder este tempo todo, a enfrentar as neuroses digitais a que se chamamos de posts.Nao tenho tempo.Nao posso mesmo, ser mais do que uma especie de " comissario " como aquelas das artes.E escolher da lista que se vier a definir, os " finalistas".A ideia � a de uma revista impressa.Patrocinada, comprada, vendida,que sei eu.Apenas uma cena que me veio � cabe�a.E que resolvi partilhar, at� para ter o vosso fio de beque.

BANDA SONORA: Sarah Vaughn por Adam Freeland




escrito por alvaro �s 1:18 da manhã
|




 

QUEM NAO VEM A PORTUGAL ESTE VERAO?: Nao me referia a Beck no post anterior.Embora" Hollywood," como base logistica e no caso de Guero , inspira��o, nao fosse um disparate.At� porque, o site da Interscope indica, 26 de Junho como data da proxima visita do artista a Portugal.E mais: indica o Ermal Festival para essa data.Francamente nao ouvi falar, e oficialmente , do evento, embora, oh como o mundo � pequeno, um dos promotores do concerto dos U2, com quem conversei em San Diego, me tenha dado a entender a sua concretiza��o, mas nao naquela data.A seguir claro e aperguntar: quem nao vem este ano? at� porque para os lados da Boavista da Musica se promete chumbo grosso, para o inicio do Verao..

BANDA SONORA: Verve 3: mais electroroll.Ou como Nina Simone soa bem com Postal Service




escrito por alvaro �s 1:06 da manhã
|




 

HOLLYWOOD NO MINHO: Poucos desenvolvimentos na Muzzik/net sobre os Festivais lusos.Mas e por razoes obvias de respeito pelas fontes , posso sizer que nos aqui no VR sabemos mais um pouco do que revelamos.E sem ser em codigo> Hollywood no Minho.Seria um nome giro para uma banda, cujo primeiro album se poderia chamar, Custoias aqui vamos .Dias estranhos, sem duvida.Confusos_ nao andamos todos...

BANDA SONORA> uma poderosa versao de Filthy Gorgeous, Martini Bros style.O Pastel City, apoia.




escrito por alvaro �s 12:46 da manhã
|




 

A PROPOSITO: Uma das melhores entrevistas que li recentemente, vem publicada na XXL , que e francamente nao sei, se � possivel de ser adquirida no nosso Pa�s.Titulo: Rap s Current Favorite Rocker Has Got Kanye s Back.Antes de divulgar a identidade , algumas das ideias que pude retirar:" o groove, � aquilo a que a comunidade hip hop responde"; " o hip hop era o new blues, mas agora � o novo rock";e a proposito do tabu chamado Black Eyed Peas> se podemos falar do Presidente,porque razao nao se pode dizer nada de uma banda, ou de um grupo...e a proposito da sua popularidade junto dos hip hoppers>fans assumidos como Pharrel, Jay Z , Nelly>creio que se respeitamos o sentido ritmico dos negros, em resposta, respeitam o sentido melodico.Sao palavras de John Mayer.

BANDA SONORA> para experimentar no sabado em mais uma noite Pinkomatic> uma remix de By The Way dos Chili Peppers.




escrito por alvaro �s 12:20 da manhã
|

 



terça-feira, abril 26, 2005

 

uivo: 25 de abril e benfica a fazer sonhar 6 milh�es. �rbitros com chuteiras emprestadas, clubes com direc��es encarnadas e expuls�es acertadas. Choques tecnol�gicos e m�dicos estrangeiros, medicamentos em hipermercados e impostos velados, elevados e escusados. referendos viciados e limites de mandatos pol�ticos que s� valem para o futuro. pequenos rufias a brincar � m�fia. franchisings de imigra��es ilegais, corrup��o e futebol, futebol e constru��o civil, constru��o civil e autarquias. mediocridade e messias. salvadores e ignorantes. vit�rias morais e derrotas constantes. embaixadores em israel que agora s�o o melhor treinador do mundo gra�as a broches na estrela da amadora?

eu vi as melhores mentes....




escrito por Ricardo Salazar �s 6:44 da tarde
|




 

SOMEBODY TOLD ME: Alguem me disse um dia que , quando chegasse o momento em que nao se discutisse a tecnologia em si ou o seu conteudo, a chamada internet, faria parte da vida das pessoas, como a torradeura ou frigo que e naturalmente ninguem discute.O tempo do Wow! e do espanto e do OH!, j� passou e h� muito.Ainda bem.O mesmo nao quer dizer que de vez em quando nao se possa recomendar um site: como a da Warp Records.Ainda mais a proposito face � noite tematica lan�ada pelo departamente de pop.rock e afins da Casa da Musica.

BANDA VISUAL: estava a pensar como soam sempre deliciosamente , " fora do seu tempo", os discos dos Blue Nile




escrito por alvaro �s 2:15 da tarde
|




 

CHOK ROCK; TERAPIA PRECISA.SE: A minha greve aos jornais desportivos durou 37 minutos.Pior que o cimbalino; pior que espreitar, onda " guilty pleasure", o burro a falar com a outra; ou mesmo uma dieta de Junk TV.Nao existe rehab? tipo sou o AC, sou um junkie de jornais desportivos, mesmo quando estes falam com Deus, emailam o novo Papa , tudo em nome do santo SLB?

BANDA SONORA: funk mutante e marado, made in Warp: Chok Rock




escrito por alvaro �s 1:56 da tarde
|

 



segunda-feira, abril 25, 2005

 

VIVA PORTUGAL: Foi Deus.Sao Pedro.As rezas. O novo Papa, que aben�ou o Trap, e as pre�es no Vaticano.E o mundo inteiro.E os marcianos.Aben�oado SLB. E quem diz estas makakadas nos jornais desportivos.Vou fazer greve.E tudo porque ganharam a essa equipa da Champions da Linha .Hello?!!!!!! e como prometi , que iria para o deserto, se "esta gente"( aten��o que nao me refiro aos adeptos, aos que realmente vivem a sua paixao, e ao clube em si onde tenho amigos e gente que respeito muito, mas esta maluquice mediatica enjoativa e doente ,e aos seus responsaveis )vencesse o primeiro campeonato da era Bento XVI e da pureza, , nao terei de ver uma vez mais, essa figura mitica em cuecas num balneario a festejar uma vitoria de futsal.Viva Portugal!!!!

BANDA VISUAL: Que onda Visual Guero.Acido digital da melhor qualidade




escrito por alvaro �s 5:10 da tarde
|




 

TANGAS DU JOUR: Li algures que a versao portuguesa( e nao fui eu quem o disse, foram os seus doutos e iluminados responsaveis que o disseram) do Tonite Show , durou menos que uma semana ( sao 5 , get it?) do original que dura, (5/7 mais repeti�oes e compactos) desde os anos 60 e agora digo-o sem complexo na TV Americana.E digo assim, como resposta a alguns que acham que sou "americano" e outras tretas do genero.Para as quais , i dont give a fucking Fuck.Ou se quiserem me estou nas maiores das tintas que possam imaginar.Mas � exactamente por essa experiencia que assumo e pelo que efectivamente, pude aprender, que nao me meto em alguns " "assados" e na America desses gabinetes mentais.Mesmo ,e quando " abro o livro" nem abordo metade das merdas, ideias, generos e formulas que fui vendo ao longo de 15 anos de viagens regulares.Por isso, disse a alguem ,que achava que eu tinha o perfil , para fazer algo do genero que NO!Porque e simplesmente , conhecendo como conheco as realidades, sei que nao � possivel.Sei muito bem, e estou em posicao ideal para o fazer, que muitos dos modelos norte-americanos, nao sao passiveis de " tradu�ao" televisiva local.At� porquestoes de dimensao de mercado, amos de experiencias, demografia e um sem numero de razoes.E que, e acima de tudo ,que nao temos recrutamento.Que sao mais os cromos que as maes.Que as celebridades locais sao o que nos sabemos.E que o vazio, o menos do que Zero, perpetuado por quem vive dele , d� nisto.Fa�o men��o desta cena, simplesmente porque o escrevi h� um m�s( queiram olhar o post ).Nao tenho qualquer " prazer" bem portugal dos pequininos ,no falhan�o de ninguem.Muito menos do rapaz que arriscou e foi para a frente dos " touros".At� me parece e enquadrado,com capacidade de resposta, rapidez e algum humor, muitas vezes traido pelos nervos de quem sabe que esta a ser
assado em lume vivo , ateado por outros.Agora, com aquelas figuretas,alias e disse-o( insisto, porque estive nos bastidores desses programas, vi como se fazem e os seus truques mais escondidos), sao os convidados ,quem e de facto , sao o factor X.E onde estao as Madonnas, os Cruises, os Pitts, os Becks, as Stones, os Stones e etc e tal, para alimentar, uma Boca Lusitana? sim, porque a maioria das celebridades luso-dependentes, estao ou presas nos reality shows da tanga, ou a falar para Perus e Burros, ou nos cocktails da ordem, ou de camisa �s riscas e pullover , prontas para o fim de semana no monte alentejano.E , na " nova ordem" generalista actual, do pudim instantaneo, do share embrulhado e da audi�ncia para vender detergentes, programas como esse nao dao " p�o" , a nenhuma Boca.E porventura estariam , isso sim, a rodar no cabo, e nos canais juniores dessa e de outras esta��es generalistas.O que � ainda mais irrealista, e monetariamente um Bentley , para o quanto piot melhor, misturado com as series que aqui chegama custam 100 euros por episodio....

BANDA VISUAL: ainda as beckices visuais do Beck




escrito por alvaro �s 4:44 da tarde
|




 

GUEROS UNIDOS, JAMAIS SERAO VENCIDOS: 31 anos.Alguem me dizia que a " revolu�ao" estava a chegar ao Porto.Isto �, ainda nao era Abril em Vila do Conde.Nessa tarde comprei a edi��o especial do JN: 1 escudo.Creio.Na onda curta , BBC de Londres.Momento pr� digital.Um Blaupunkt daqueles germanicamente solidos.Um gravador BASF; o gira-discos Philips.E uma televisao, ainda mais preta que branca.E as capas de LP, acido sem acido, viagens pr� MTV, refor�adas aqui e ali, pelos" produtos horticolas" ao estilo das bancas de cebolas e cenouras que decoravam a estrada de A-ver-o-Mar em dirac��o a Fao.Tudo isto me veio � cabe�a , porque em 0.5 , rodam imagens digitais do album do Beck em 5.1; o Luis Oliveira ja�o tinha lido no blog, no momento em que me preparava para justificar esta edi��o.E o telemovel recebia msgs; e o livro , fabuloso, um pouco mais at� do que o Luis Fabiano, me fazia olhar o Delta que visitei no ano passado de uma forma diferente; e nova.25 de Abril.A revolu��o esta mesmo dentro das nossas casas.31 anos depois.

BANDA VISUAL: as remixes visuais; instala�oes; loops ; fotos; arte.computador que permite uma outra e radicalmente diferente abordagem a Guero




escrito por alvaro �s 4:32 da tarde
|




 

NOVA ERA: NAO A RADIO DO PORTO, MAS A DOS CD MUTANTES: Apenas uma ideia : a transforma�ao do CD em algo mais.Em movimento.Dual ou SACD, Surround, 5.1, ou mesmo o hibrida, recente, artistica e ( cara) edi��o de Guero.Creio que estas edi��es delux, vao ser mais centrais, mantendo uma parte do " core business" neste formato.Mais caro, certo.Mais exclusivo.Certo.Mais edi��o especial e tratada como tal, por isso mais " estimada".Factor X, que faz desta edi��o de Guero , um sinal mais dessa " resposta analogica", mas de tom XXI.A seguir...

BANDA SONORA: escutava as remixes e diria " restos" que nao couberam no Guero , mas com um inesperado episodio de The Lost de 25 de Abril...




escrito por alvaro �s 2:25 da tarde
|

 



sábado, abril 23, 2005

 

MAGO MERLIN E THOR: Ainda o tratamento Un.cut a Page e a Plant.Nao se trata apenas de uma golpada , genero comprem l� 2 revistas e aumentem as tiragens.Nao estou na cabe�a deles.Mas:o interesse da edi��o dupla , vai para l� de mais uma viagem � alma biz de dois dos maiores icons de todos os tempos.Interessante que as entrevistas t�m sido feitas logo a seguir ao Grammy " postumo", e que Page como " curador" e guardiao do templo estivesse em LA e Plant a tratar do seu disco, ou do seu jardim na Velha Albion.Mas, bem mais significante sao os dois CDs escolhidos por ambos os artistas.Presumo que o musicologo , tenha ele proprio escolhido o tracking do disco.Sem inventar demasiado, Page poderia ter delegado a escolha, numr um membro do seu staff.Mas o que faz deste dois discos da Uncut , um momento especial � que e para alem de rapidamente entrarem numa especie de Castelo de Boleskine mental, e em pouco mais de 50 minutos, apreenderem como e em parte se fizeram os cozinhados da panela magica,estas compila��es complementam-se de uma forma inesperada e estimulante. Come�em pelo de Plant, e sigam para as variantes mais 60/ 70 propostas por Page, com sons que em grande parte estavam � porta do inicio efectivo da carreira gloriosa da mais potente , poderosa e influente banda de ROCK de todos os tempos

BANDA SONORA: cronologia: Clapton e os Yardbirds




escrito por alvaro �s 6:46 da manhã
|




 

TALK SHOW MENTAL: Duas rapidinhas sobre os New Order.Uma boa parte da minha perspectiva sobre a pop cultura , passa por 2 episodios ocorridos indirectamente com os New Order.E tudo devido a t.shirts que na altura usava com muita seriedade militante e no��o de missao.Lembro-me que foi no metro de Earl s Court em 1982.Abril.Facil, porque era a minha primeira viagem ao Reino Unido.Em guerra com a Argentina.Com os neo romanticos a sair da toca.Spandau B ,a estrearem.se "oficialmente" em Brighton.No mesmo local onde poucos meses mais tarde, Thatcher por um triz nao se transformava em dama de ferro velho,no que tera sido um dos mais espectaculares atentados da era pre CNN.Adiante: o essencial � que alguem me dizia que a distancia entre Bucks Fizz , bem populares � epoca e New Order, nao era tao grande como eu pensava.Tudo � pop, dizia-me.Traduzindo: o produto em si, depende das mesmas estruturas; segue as mesmas vias de comunica��o/ distribui��o.E claro e resumindo, essa mesma pessoa esclarecia que era complicado aos " continentais" ,essas criaturas entao separadas do " paraiso" pelo canal da Mancha, sem Eurotunnel e oficiais de imigra��o chatos como o c..., captar o humor " mancunian" , manchester City que em parte caracterizava o grupo, " embrulhado" na pose de Cerimonia Ritual, que e curiosamente re.observo no primeiro dos 3 DVD que estou a usar para compor visualmente a " cerimonia " deste domingo.Segunda e bem mais caricata cena: uma vez mais ufano da t.shirt, a mesma.Uns meses mais tarde.Verao.Sul de Fran�a.Cannes, creio.Um grupo de resistentes queria bater-me e tentaram mesmo, por usar a t-shirt que consideravam fascitoide e neo nazi.Oh boy: aqui o meu amigo de 1982, nao tinha razao.Uma t shirt dos Buck Fizz nao teria provocado , semelhante reac��o num grupo de bebedores de Pastis e jogadores de Petanque....

BANDA VISUAL: Joy Division/ New Order, the true story of Anthony Wilson and Factory Records.E Manchester, England de Dave Haslam.A bibliografia base do " talk show" imaginario




escrito por alvaro �s 6:13 da manhã
|




 

FRIENDS!: Mais uma Pink nacht.Divertida , estilo " family affair", com gente interessante a aparecer por l�, embora em numeros modestos,como a minha " sobrinha"( onda snoop dogg e os seus nephews) Ana Rita, que e curiosamente como os outros 2 ex XPTO , a jogar na Liga Generalista, passam uma grande parte do seu tempo em LX.Nao sei se, o tom do ex restaurante indiano de Cedofeita ,vai continuar a ser Floyd, por muito tempo.Seriam necessarios alguns ajustamentos para de facto tornar aquele " cozy"( defini��o muito feminina da ana rita), espa�o de 3 andares , na Candy Shop( nada a ver com a metafora sexual do Tio 50 Cent, ams sim com um sitio ideal, como que imaginado por uma crian�a de 45 anos, como eu).Seja como for, e verdade seja dita, tem sido uma experiencia muito atraente , muito por causa da boa onda, que eu e o Tiago Stressless Dias , mantemos h� muitas e quentes e boas, e muito " industriais" noites.Gosto de colaborar com quem gosto e respeito.Se por vezes, se " perde" dinheiro, com esta filosofia, " empata-se" com o que se poupa de chatices, paranoias e idiossincracias propria deste " ramo".Banda sonora, toda electroroll, incluindo mais uma serie de remixes dos New Order, cortesia do Ruzinho do QQ, respect " sobrinho", que ali se deslocou de proposito para as entregar, e que conjuntamente com o Computer.Jockey , mais um " sobrinho"Diogo Vieira, responsavel pela manipula�ao do Sex on The Beach, se juntaram ao gang, e t�m sido fantasticos.Gracias.

BANDA VISUAL: em movimento o final de tarde domingueiro dedicado aos New Order.FNAC: NorteShopping




escrito por alvaro �s 5:47 da manhã
|

 



sexta-feira, abril 22, 2005

 

jacko live & direct: Posso entrar? ponham esta treta no ar...venga!!! Charlieeeeeee !!!sniff snif...sorry guys. Here we go.
MICHAEL JACKSON E A SUA CARAVANA DE ADVOGADOS ESTA A CHEGAR AO TRIBUNAL

JACKSON SAI DO SEU SUV PRETO COM A SUA MAMA E ADVOGADOS. ACENA E SORRI!

MICHAEL JACKSON CAMINHA PARA A SALA B. FAS AOS GRITOS! O WACKO PASSA NO DETECTOR DE METAIS...

EX-GUARDAS DA NEVERLAND TESTEMUNHAM QUE WACKO ORDENOU ENCLAUSURAR ALGUNS DOS MENINOS ACUSADOS. DEMONIO!!!

JACKO SAI DO TRIBUNAL E A MULTIDAO AGLUTINA O ESQUADRAO DE SEGURANCAS

O VEICULO ARRANCA A TODO GAS E CONTINUA PRETO.

To be continued

Reporter Internacional aka la peste
Patrocinio: Max Graham




escrito por alvaro �s 7:00 da tarde
|




 

OVOMYLO: A proposito dos " velhinhos" do post anterior, ainda sou do tempo, ora esta...em que se trocavam k7s, se gravavam emissoes de radio, para " alimentar" as velhas B:A:S:F, e se trocava sofregamente de LPs , em especial as raridades que chegavam de todas as vias postais da epoca.Ao receber uma serie de CDRS, mais ou menos dirigidos para as actividades de comercio e servi�os da familia Pasteleira.Todo este " filme" tem a ver com a capa, fotocopiada que tenho mesmo agora � minha frente: versao moderna�a dessas k7s classicas de 70 e ainda idos de 80: sem comentarios.Moving Units;Hard-Fi;The Go! Team;Willy Mason;Maximo Park;The Subways;Fleeing New York;Nine Black Alps.Entre outros.

BANDA SONORA: calha a este post, Mylanezes; ou Mylanezas.OvoMylo.Mylo Mylo




escrito por alvaro �s 4:21 da manhã
|




 

AINDA COM CEREBRO EM 2005: Talvez tenham notado nos ultimos tempos, que a " musica" pop.rock XXI, e coloco aspas porque nao consigo isolar a performance do seu contexto de cultura, volta a ocupar um espa�o mais central nesta tasca.Nao � design; nem estrategia; nem sequer propositado.Apenas e s� as energias que se vivem e sentem.E com momentos de extrema lucidez,recentemente revelados aos mundo pelos cardeais Robert Plant e Lou Reed, percebe.se que os que ainda t�m o "cerebro,mais ou menos intacto" captam essa onda.Nesse contexto a entrevista recente de Reed � Mojo � um monumento , em particular pela forma como e passado o momento em que a tecnologia era WOW! espanto! oh que somos todos robots e nao sei que mais, o tempo chegou como o proprio diz, para a usar e dar a volta a esta porra toda.E fazer discos interessantes,de HD, contudo de or�amentos baixos, o mesmo nao querendo dizer " pobrezinhos" e pindericos.O que ele proprio esclarece ao dizer que Raven nunca poderia ter sido feito h� uma decada.Plant � um caso diferente: deus rock; Thor pop; de alma "berberhindu "soube envellhecer.E manter-se informado.Atento.Uma especie de ideologo do morocanrollblues, ligando o Mali, o Norte de Africa e o Sul dos Estados Unidos, guisado que somente agora , apresenta a respectiva textura e paladare, no ponto .Por cada ruga, que os " cremes de beleza" da era digital disfar�am em alguns dos seus "compadres", temos mais um riff , um rugido de um leao , bem longe de estar des.dentado.Ou moribundo.Ou a viver de duodecimos pop.Notavel.

BANDA SONORA: as escolhas morocandroll de Plant para a Unuct.E claro que monetariamente � um " ximbalau", mas vale a pena , contrastar com as escolhas do Mago Merlin Page.Sao 2 cds que explicam mais sobre a natureza do Dirigivel do que 23 edi��es dos meus mais de 200 boots Zeppelin




escrito por alvaro �s 3:37 da manhã
|




 

VIVA ZAPATA E VIVA MIA: Estou mais do que curioso para saber a opiniao do enorme Luc Vergier sobre os Expesnive Soul.Contacto feito, e mails trocados entre ambas as partes e como � costume em mim, "afasto-me" e deixo que as aguas respectivas corram debaixo das "pontes".Vergier � um dos meus mestres.Tive muita sorte em o ter conhecido vai para 17 anos.E ter aprendido com ele ao longo destes anos.Como entra tantas outras coisas que, o hip hop se tornaria " comercial" na Europa. muito antes de alguem fazer a minima ideia disso.E foi com os Fugees que o definiu e " centrou".O Ze Marino bem se lembra da sua entrevista " de cama" com a Lauryn Hill, antes desta flipar e arder no seu proprio fogo.Recentemente esteve no especial Antena 3 /BBC, explicando que o hip hop europeu e mundial , s� compete com a marca registada yankee, se encontrar um caminho proprio, culturalmente autonomo, sem " jact�ncias" , aprendendo com o espantoso laboratorio sonoro , em que uma boa parte do hip-pop made in USA se transformou.Com ele DJ Swammi, que � o man que incendiou o Clinic , quando o inclui no set , entre Chemical Bros e The Prodigy dos bons tempos.E a confirma��o que algo fresco viria daquelas paragens.E que em breve , muitos discos mainstream( 50 cent � apenas um exemplo obvio) iriam incluir escalas orientais.Lembrei-me desta cena porque nao resisto � M.I.A. N�o fa�o ideia do que diz, do que rappa/ canta/ ronrona/grita/ geme/treme.Mas que � de facto uma bomba sonica, que nem os U2 conseguiriam des.montar, � um facto.E uma li��o para que sejam originais. Como esse SENHOR de aix-en -provence, fan hard core do Marseille, disse.E uma vez mais , certo.Apenas errou na noite em que Vata,esse mesmo, ia deitando o glorioso( e digo-o sem complexos) Estadio da Luz da epoca, abaixo bem antes do milagre 04...

BANDA SONORA: sri lankroll




escrito por alvaro �s 2:44 da manhã
|




 

LOS PINK VINES: Nao sou um fan hard dos mash-ups , mas reconheco a diversao, a " caturreira", o cari,cato e porque nao o delirio sonico.Selec��o Mash: curevs nelly; kellis vs spektrum vs tiefschwarz( um menage sonoro , oh yes) pinkVS the vines, the hives vs madonna.Juntem os vossos, embora esta lista seja apena so controverso imaginario, do Santo Diablo vs Luxuria desta noite , em Cedofeita town

BANDA SONORA: xanfras , tolos e marados: Los Pink Vines




escrito por alvaro �s 2:29 da manhã
|




 

LOVE IN VAIN E OUTRAS MITOLOGIAS: Recomendo Escaping the Delta.Robert Johnson and the invention of the Blues.Tudo o que sabia sobre os blues e deixei de saber.Tudo o que nao sabia e passei a saber.Isto �, um livro que possivelmente nos faz compreender melhor a verdadeira raiz da experiencia inacreditavel que se viveu a partir do Grande e Incomparavel Delta...

BANDA SONORA: intervalo na bombastica sessao de electro and roll.Para seguir a banda sonora que acompanha o livro de Elijah Wald




escrito por alvaro �s 2:12 da manhã
|




 

HOT! VERY HOT!: Sempre gostei dos flyers de clubs anglo saxonicos.Uma das razoes tem a ver com o contraverso, ou mesmo com a capa frontal.Uma das razoes era mesmo a inclusao da " playlist".Tentho tentado que essa pratica, seja aplicada por estas bandas: se assim fosse, a noite Luxuria no Santo Diablo que � o Pink teria no flyer imaginario:chemical bros( bass lieutenant mix); Dillinger, cocaine in my brain( groove corporation);fischerspooner by felix da housecat;scissor sisters( da groove club mix);lcd v le tigre;e uma serie de estreias a escolher esta noite.longa j� se v�:come inside to da club, motherfucks..

BANDA SONORA: novas dos Hot Hot Heat




escrito por alvaro �s 2:01 da manhã
|

 



quarta-feira, abril 20, 2005

 

FARM UNITED, 3, MOURAS FC . 1: Finalmente Mourinho perdeu.Foi o que pensava.E agora ,que ele � o melhor do mundo, nao o era no anos passado.Possivelmente o azul do Chelsea � mais sexy, para os doutores do comentario e fazedores de opiniao, alguns deles a precisar de calmantes ,ap�s as emo��es, oh tao fortes do ultimo fim de semana.E relatadores apopleticos, a treinar para o campeonato do Mundo de 06, pelo menos sempre que a bola passava para o meio campo defensivo do U Leiria, as vozes soavam tonitroantes e guerreiras.Mas Mourinho perdeu.Para a Quinta!!!!!!! sou fan do Correio da Manha, online.Jornal que soube deixar o espa�o do 24 e colar-se , um pouco mais � " direita" dos jornais de qualidade a precisarem de algo mais do que...qualidade.E suplementos chatos.E doutas teorias sobre o Rufus, a Bjork , a Feist, o cinema do Alaska e sei l� quem mais .Grade titulo: Quinta FC 3, Mourinho ,1.Finalmente irmao de Vila do Conde, do Restaurante Ramon e amigo do meu grande amigo Tone Laru.: conseguiram derrotar-te.Grande Quinta! E j� agora: alguem me diz quem � o Gon�alo Dinis.Burrice minha, mas nao sei quem �...

BANDA SONORA: Para ti Mourinho.Mr Brightside!




escrito por alvaro �s 1:35 da tarde
|




 

Z� PEDRO! �S GRANDE: Outro motivo, para sintonizar a Bons Rapazes FM: a tecnica li��o de rock and roll, do " one and only" Z� Pedro.Um dos convidados da Gala de Inaugura��o da Casa, sim dessa mesma, explica aspectos praticos e sugere algums e subtis altera��es.A escutar, at� porque uma vez mais, alguem que e como eu o MQ3 costumamos dizer, � e de facto um Bom Rapaz, deu uma li��o de postura, integridade, e classe .Nao admira, nao surpreende.Mas regista-se e lamenta.se que outros ,nao sigam de vez em quando estes exemplos.E se deixem de in.discutiveis teorias da conspira��o.E de filmes mais velhos que a S� de Alexandria.Ainda mais velha que a de Braga.E de cromologia extrema.

BANDA SONORA: sons e tons para as proximas des.venturas : 2 novas re.mixes de Mr Brightside; 4 de Somebody Told Me.� fartar vilanagem




escrito por alvaro �s 1:24 da tarde
|




 

LUXURIA: Mais um numero de colec��o da Uncut.Duas capas.Dois CDs.16 euros..pois.Mas vale a pena.E uma pergunta que gostaria de colocar ao inventor do morocandroll, e nao a poderia ter feito em 1995, era se ,a cristaliza��o, a criogenaza��o visual dos Led Zeppelin em 1975, Plant como Thor, Page como Merlin o Magico, nao o incomoda.Ou como se olha a sim mesmo, quando o mito nao parece abrandar.Nem a minha colec��o de boots dos Led Zeppelin....

BANDA SONORA: LCD SOUNDISTEMvLE TIGRE:estreia esta sexta no Pink na noite Luxuria.Uma das 7 capitais que o club de Cedofeita , apresenta




escrito por alvaro �s 1:03 da manhã
|




 

FONHA-SE!: A nao perder.O trio de bispos, o clube de hombres ( oh doutora, onde anda vocemess�?) a tasca radio.infecta do proximo domingo em os Bons Rapazes.Regresso de Ze Pedro, um dos nossos Decos.Com muito para dizer.E a confirmar que o Porto mexe .Mesmo.E menos virado para Quintas e Barachas.E celebridades de aviario.Manas Catatuas.Quartos secretarios.EX isto ou aquilo.Media-estrelotas, que duram menos que uma semana...Fonha-se! J� dizia o filosofo asilado Z� B�, que Deus Baco tenha em eterna estima..

BANDA SONORA: Fischerspooner 05/82.Sou um gajo inteligente: j� viram este detalhe onda Paganini dos blogs? Fischerspooner, nascidos em 2005, falecidos em 1982? � grandioso, sim senhor.




escrito por alvaro �s 12:58 da manhã
|




 

FOSGA-SE!: Contradi��es: o que se pode dizer, que � o povo mais sisudo,preocupado, e " dark" da Europa, tem agora o maior numero de comediantes por metro quadrado televisivo.E uma rapaziada "engra�adassima" , em especial pela S.I.C.Todas, alias.Ser� o efeito Outurela IV,onda Cardinalicia , a espalhar.se com um virus manhosa? Isca.se, l� diria o filosofo de Aldoar, Ferreira Cesar...

BANDA SONORA: Dillinger , ressuscitado dos mortos.Um zombie jamaicano com demasiado cocaine in his brain.Um must obrigatorio.Passe o pleonasmo luso-anglicano




escrito por alvaro �s 12:53 da manhã
|

 



segunda-feira, abril 18, 2005

 

TESTEMUNHO: Ainda, este Mini -Festival You Too.Alias um blog � tambem isso, o momento especifico de quem o escreve e nele comunica.E de facto as viagens pelos varios U2, estao a ser o menu sonoro dos ultimos dias.� bem possivel que para os fans hard.core, uma boa por�ao do material recentemente compilado, nao seja nada do outro mundo.Mas tenho referido a ideia que se vive hoje a velocidades completamente diferentes,o que quer dizer que para uma boa maioria , o que esta disperso pelas dezenas de CD , com material, podem ser joias raras.Como por exemplo e uma especie de proto, formato Ipod, juntar uma boa parte do que Bono apresentou, improvisou ou mesmo gravou a " solo".Entre aspas porque e oficalmente nao existe uma carreira a solo.Ora a� est� uma ideia interessante: essa carreira a solo existe: re.interpreta��es de marvin , sinatra ou mesmo leonard cohen.Remixes solo de Tomorrow ou in the Name of The Father.One para a Childline.Entre tantas outras cenas.O que se apreende que de uma forma bem subtil,a mistica da banda se manteve intacta.E os momentos de " respira��o" muito bem enquadrados.Alias para serem integrados na selec��o nacional irlandesa que pacientemente ando a escolher..

BANDA SONORATestimony em dueto com o grande Robbie Robertson




escrito por alvaro �s 5:34 da tarde
|




 

UMA HISTORIA PARALELA DO ROCK AND ROLLE: Ainda U2.E o moemento de viragem.O tipping point, que permitiu , ganhar estes anos todos de vida:Achtung Baby.Mas podiamos fazer uma historia paralela: em vez da bombastica electro.fusao, o disco editado � o que tenho � minha frente.Podemos chamar-lhe Unreleased Berlin Album.Inclui e curiosamente uma can��o chamada Jitterbug Baby.E ainda a versao original de Salome, e aqui e ali , algums ideias e riffs, que acabariam por tomar forma definitiva , no album que viria e de facto a ser dado � luz, no inicio , real e efectivo dos 90s.Apenas e s� um produto da nossa imagina��o, o que este, e agora invento e chamo-lhe Jitterbug Baby , teria sido e representado para a carreira futura e que ainda mexe e muito em 05/XXI, dos 4 de Dublin

BANDA SONORA:mais arruma��es; escolhas; recupera��es.Bem tento ,inluir cenas remixadas dos Lamb , numa das pastas 007.Mas , tudo soa tao datado, tao mid -90 , que ...




escrito por alvaro �s 3:28 da tarde
|

 



domingo, abril 17, 2005

 

MUITO MAIS DO QUE ZERO: Gosto do novo single dos BZero.O dr Guedes esta de facto a cantar , li�oes de canto devem estar a dar resultados e a banda, nunca soou tao limpida e " aberta".S� conheco este single, aguardo o resto do material que e no entanto pelo que me foi dito anda perto de uma ideia sonica , mais ampla e melodica.O problema nao esta aqui, nunca esteve mesmo , na bonita carreira do grupo.O problema � a dimensao de carreira que uma banda como os BZ, pode ter a partir " daqui".A vida das pessoas e as realidades sociais e culturais.Decisoes pessoais/ profissionais que se podem ou nao tomar no momento certo.Creio que � um pouco tarde para os BZ, o fazerem sustentadamente.E se acham que a vida do rapaz Slimmy, � facil; � glamorosa, estao muito enganados.Em Londres h� e metaforicamente muitos
" Slimmies".De todo o mundo.Mas � essa luta , a viagem em si ,que pode ser bem mais importante do que a chegada.E abrir caminhos que e ai sim, outros j� deveriam ter e pelo menos tentado.Para se queixarem menos; do pa�s; do estado; do mercado; dos promotores; das radios; das salas; da casa da musica; da musica da casa ...e podem preencher mais espa�os � vontade.Nesse aspecto, justi�a seja feito, ninguem da banda se queixou.Se lamuriou .Usou a velha e fedorenta tactica da vitimiza��o real ou imaginaria, para atingir fins.E se calhar at� o podiam ter feito, quando pistas, aberturas , e at� contactos nunca foram desenvolvidos.E as escolhas de carreira internacional recairam na banda errada.Mas isso sao contas de rosarios antigos, daqueles com marcas cravadas em meados de 90...

BANDA SONORA: heroes do rocka ns rolle luso.BZERO




escrito por alvaro �s 7:34 da tarde
|




 

PERDIDOS E ACHADOS!: E j� que o episodio de hoje arrancou, mais umas teorias sobre The Lost;teoria 3:a ilha � um gigantesco laboratorio ao estilo da Ilha do Dr Moreau; teoria 4:uma catastofre nuclear, tornou o mundo inabitavel.Este � o grupo sobrevivente;
To be continued

BANDA VISUAL: os bizarros flashbacks ao mundo anterior dos sobreviventes de The Lost




escrito por alvaro �s 4:06 da tarde
|




 

TEORIAS: Ainda me lembro das minhas twinpeakthons: antes do DVD; episodios gravados da transmissao orIginal da RTP, antecipa��o analogica da ideia de controle total do espectador-programador, bastando para isso,a aquisi��o de um pack de episodios na loja mais proxima.O mesmo ira certamente acontecer com The Lost.Possivelmente a mais bizarra e viciante serie desde..exacto: a loucura visual, a viagem de pop cultura,amplificadas pelas contamina�oes Lynchianas(E como exemplo a escolha do nome Laura, nao acontece por acaso: � uma referencia ao filme de Otto Preminger, com o mesmo titulo.Apesar de aplaudir a inclusao da serie na actual programa�ao da RTP, nao me parece que seja uma serie para domingo � tarde; e , confesso que nao sigo nenhum canal de televisao de forma disciplinada,nao me parece pelo que tenho podido espretar que a promo��o e marketing sejam os mais lucidos e "lcd".De vez em quando vou resumir algumas das teorias que circulam � volta desta serie unica e que demorou alguns anos a ser produzida, o que aumenta a dimensao mitologica.Teoria 1:os sobreviventes morreram mesmo no acidente;e estao no purgatorio.Teoria 2:s� existe um sobrevivente; todos os personagens sao produtos da sua imagina��o.....

BANDA SONORA: ainda raridades, remixes, e delirios da fabrica de Dublin




escrito por alvaro �s 3:40 da tarde
|




 

1-1: Mais sequ�ncias , possiveis, para o projecto U.2:duas mixes, mais ou menos parecidas, que juntas criam um efeito bizarro de loop: a ultra hot razor crew, e a perfecto edit, para Numb.Que nestas versoes surgem em registo future funk.Pelo meio ficam muito bem as versoes " nuas", esqueleticas de Sometimes...despidas de quaisquer truques.Uma delas apenas com voz e guitarra, o que permite apreender como uma can��o pode ser " alimentada" ao longo do processo que a vai tornar na versao que depois todos conhecem.Em breve espero ter a lista definitiva, e a confirma��o da sequ�ncia, embrulhada num set a gravar em estudio.Para j� e pelo menos, est� a ser uma cena divertida...

BANDA SONORA: o k passa no "kicanta":Night and Day( All World Mix)




escrito por alvaro �s 1:55 da manhã
|

 



sábado, abril 16, 2005

 

VERTIGENS � BEIRA DO PRECIPICIO: J� come�ei a separar as arvores da floresta sonora que me foi entregue .Possivelmente irei gravar num CDR especifico, a sequ�ncia desta ideia U.2 Dance and Roll Radio.E deixar algum espa�o para alguma ideia live, que possa surgir.E no fundo ter o projecto pronto para outras "transmissoes".Uma sequ�ncia j� estabelecida ir� misturar 2 remixes de Vertigo com a versao demo , chamada Native Son, com letra completamente diferente.E do " edificio" que hoje conhecemos nao existia mais do que o riff e o refrao, sem quaisquer vertigens � mistura.A inclusao das primeiras demos da banda estao igualmente previstas, assim como momentos de confronto com versoes de dan�a.Caso obvio da versao Daft Punk de With or Without U.E uma outra versao de Vertigo, intitulado Close to The Edge , bem mais techno do que as que tenho utilizado..

BANDA SONORA: vertigo, " close to the edge"




escrito por alvaro �s 9:15 da tarde
|




 

UM JOGO: A VOSSA FANTASY BAND DE TODOS OS TEMPOS: Uma consulta online da Radio 6 da BBC, indica a banda de fantasia, criada pelos seus ouvintes:Bono, nos vocais; Hendrix na guitarra;Chris Martin nos teclados; Flea no baixo , Keith Moon na bateria e ainda...Bez como dan�arino.D� que pensar.E explica em boa parte, o post anterior sobre o Big Brothers dos famosos do Reino Unido.E a liga��o do" anarquista acidental", a uma franja de audi�ncia com os miolos tao fritos como os e Mark Berry

BANDA SONORA:nos proximos dias, as muitas e variadas horas de material U2 para escolher e ordenar...




escrito por alvaro �s 4:43 da tarde
|




 

PORTOBELLA: Uma sugestao : tragam c� a Portobella.Um pouco como trazer os mini Kiss, se calhar apresentados pelo Mini Me.Mas divertido.

BANDA SONORA: Vive la Difference.Portobella




escrito por alvaro �s 2:28 da tarde
|




 

WITH OR WITHOUT U.: Existe uma nova " esta��o" de Radio.Fica em Mira.gaia City/ e o city aqui refor�a a ideia de enclave que a freguesia realmente inclui na sua identidade muito propria/ e funciona todas as noites num bar.Dois pisos, um decor minimalista mas confortavel, uam especie de flash.back, no contexto XXI , de uma certa forma de nightclubbing portuense da decada de 80.Recomendavel, mas ainda a precisar de acertos, em especial o design de som, e enquadramento num quarteirao povoado.E ao entrarem, olhem para o efeito magico, da porta-espelho, entrada para uma gruta, uma das mais valias deste Radio.Bar
E j� existe o meu primeiro projecto " a serio": U.2/ DanceandRoll.Uma noite de raridades, mixes, remixes , cuja lista sera divulgada em breve.O obrigado devido ao trabalho , " no terreno digital", e na escolha das muitas horas de material, que vao servir de base ,a esta " emissao" taxiturna, � Xana Ferreira. Data a anunciar em breve

BANDA VISUAL: Daft Punk em combate rock com os U2, em With or Without U.




escrito por alvaro �s 2:09 da tarde
|

 



sexta-feira, abril 15, 2005

 

HELLO!!!!!! ALGUEM L� DENTRO? SOMEBODY THERE? E SIM, ESTAMOS TODOS A TREMER COM AS DURAS CRITICAS DO EMBAIXADOR VITALICIO EM LISBOA DO "POERTO" !: E pronto.A Casa abriu as portas.Finalmente.At� para que a sucessao de delirios e comicios e stand up comedy, possa dar lugar ao funcionamente e ao trabalho normais de um projecto como este.E antes de uma "piquena" observa��o: um agradecimento � delicadeza e simpatia habituais da Filipa Leite, do departamento de programa�ao que tentou tudo para que eu participasse na noite de ante.estreia( apenas compromissos e alguma distancia habitual para com estas "febres "muito altas) o impediram.E a proposito:estou de acordo com o embaixador do "Poerto"( e estou a ser directo e frontal.Esse poerto, dos embaixadores e dos exilados mentais , representantes maximos da paroquia ,sumos pontifices, melhor sumos -postais , a mais ou menos 300 kms a sul), quando diz, com uma pose que o "cargo" paternal , que carrega com a cruz dos justos, que o Lou Reed � discutivel.Tambem acho.Por mim , trazia o Bowie.Ou o Prince.Ou a Skye Sweetam.Ou at� o Snoop Dogg e os gueros do Beck.E como o Comercio do Porto de 1 de Abril anunciava , Bono a solo.E com o Pai a aben�oar.Ironia das ironias.Ou ser� que o Pai do Rock que alias nasceu em Portugal em 1980,de cesariana sem complica��es de maior,tera lido a noticia, esquecendo-se que era mesmo um enorme poisson de Avril?Agora, o que nao � mesmo discutivel,mesmo nada.Rigorosamente NADA, � que os Cabe�as no Ar ou o proprio embaixador, fossem discutiveis.Para o que quer que fosse: nao chegam os anuncios; os retratos; os concertos de Verao; a tour eterna, por este jardim tao bonito? mais ainda? mais ? At� nesta Casa.Nao tarda muito,e vamos ter a opera rock do Toy.E o artista a declarar ,que a Casa � mesmo do Roy.Ou da Joana musical.Nem que chovessem sapos;seria discutivelOu chuva mesmo que � algo que tambem j� nao existe. Venham mais do que cinco.Diria mesmo venham milhares .A Casa merece.

p.s. nao entendo que em 2005, qualquer cena que se passe aqui, e agora digo, no PORTO!!! no tenha de ser comentandoa partir de uma IC 19 qualquer, mental ou de asfalto, pelo Rui Veloso e companhia limitada. A culpa nao � dele.� de quem pregui�osamente, o convida para estes filmes.




escrito por alvaro �s 7:23 da tarde
|




 

Copy and paste: How to turn a Dutch house into a Portuguese Concert hall in under two weeks.

"Casa da Musica began its life as a house for a Dutchman. Its recycling? is an allegory for the unstable relationship between form and use, a mixture of psychology, scientific investigation, and naked opportunism"



The office was shocked at the cynicism. There was disbelief that what had been tailored for one very specific condition could be suddenly used for a completely different purpose.

Rem Koolhaas in Content Amoma/Rem Koolhaas/ &&& Simon Brown, Jon Link/ Taschen 2004

Na infeliz leitura, descontextualizada e provocada, como qualquer opiniao de caf�, de artista desmamado, esta referencia seria uma bomba no charco dos cisnes pseudointelectualoides. Sim, o interruptor funciona para todas as mentes iluminadas a 20W ou 60W. Sem mais comentarios...e VIVA A CASA DA MUSICA!!!!!depois logo se ve...



Reporter internacional AKA lapeste

patrocinio: isca e bom de manha e ao deitar




escrito por alvaro �s 5:29 da tarde
|




 

THE NIGHT I WAS BORN, I SWEAR THE MOON...: Uma especie de post extra: at� porque nao gosto, embora o pudesse fazer facilmente,de ultrapassar a regra dos 4, 5, discursos/comicios por dia.Apenas porque e apos arrumar o set do Sinatra da Pasteleira, dei de caras com Electric Ladyland de Jimi Hendrix.E no ecran mental, projectei, uma nova defini�ao de classico: um disco , que sempre que se escuta, parece diferente; com coisas que nao " estavam " l� na audi��o anterior.Pormenores, detalhes , mesmo sons que nao " existiam " antes.Como esta versao de Voodoo Chile, onde e " armado" de auscultadores , � mais do que possivel, captar a jam, o estudio de Nova Iorque a fervilhar de energia, caos,calor.Em circulos.Zig Zags de som.Algumas boots, demonstram bem mais claramente o delirio criativo.As vozes.A des.ordem que esmagava os dois Experience.Ingleses perdidos numa NYC a desfazer-se.Summer in the City, disse um dia John Sebastian...

BANDA SONORA: Nova Iorque afoga.se.Dizia Hendrix neste preciso momento




escrito por alvaro �s 6:32 da manhã
|




 

FUMOS BRANCOS: A proposito da tour 05/ 06 dos Stones:a ideia , de esta poder ser a ultima,sera a partir de agora, o design.Perfeitamente logico, mas nao muito " natural".A nao ser que os 60 anos de media, come�am a pesar ainda mais.Nao parece.Seja como for ,estao lan�ados os dados.At� porque vai coincidir com algo muito importante: a inaugura��o de Wembley XXI.Mais: com Portugal no mapa, acredito e s� nao afirmo, porque seria por todos os carros � frente de " bois que ainda nem sequer existem", que a quarta vinda dos Stones a Portugal, ser� no Dragao.Noticias VR.Sem confirma�ao, mas com alguns fumos de uma especie de Vaticano n Roll,que alias tambem estao por dias...

BANDA SONORA: uma noite numa Jook Joint; taberna; chicken shack( galinheiro) do Mississipi.Leitura: Escaping the Delta de Elijah Wald




escrito por alvaro �s 5:34 da manhã
|




 

MAIS CONVERSA; MAIS CAFE; MAIS VIDEO: THE RETURN: Vou regressar ao projecto Cafe , Conversa e Video.Parte deux: ou formato 0.5.Talvez haja ainda quem se lembre da cena pioneira que criei com o Jorge Coelho( zen, cosmic city, tenaz, mesa, jorge coelho) e que antecipava a explosai DVD.Basicamente, noites tematicas ( festivais, momentos classicos da pop cultura, dvdgrafias) numa epoca em que um corredor bastava para expor todo o catalogo.Ao longo dos 3 anos que durou a primeira fase, o projecto foi-se adaptando, perdendo esse lado wow! e pioneiro( que nem sempre me apetece assumir, mas que na epoca era evidente ) e acompanhando o aumento regular de espa�o DVD, e assumindo um papel mais divulgador e de contextual.E hoje, bem se pode dizer que j� existe , nao fa�o ideia da questao economica/ politica, mais do que base , para uma loja FNAC , completa e totalmente dedicada ao formato.E com o Dual Disk, isto � cd/dvd , a definir-se como uma solu�ao hibrida e mais um " milagre" para a industria, a ideia em si e apenas isso, nao me parece e pelo menos tola.Adiante: o formato re.inaugura-se na loja do Norte Shopping ao final da tarde de 24 de Abril, com uma sessao dedicada aos New Order.Som, imagem, at� as novas remixes vao ser" re.remisturadas", isto � integradas no todo da sessao.A numero 1.05.

BANDA SONORA:o lado mais folk, rude, rural de Muddy Waters.




escrito por alvaro �s 5:00 da manhã
|




 

RELATORIO E CONTAS: Uma noite Pink, menos Floyd do que tem sido habitual.O que nao surpreende: muita coisa na cidade; concentra�ao natural na Casa e � volta.Mas o que queria postar era sobre mais um encontro com o eternamente "perdido no Porto" e activista do Blog B, Joao Ferreira.Estava a explicar-lhe algo que ele captou.A energia que se vive nesta Casa.E os numeros nao mentem .As ultimas semanas, consolidarem a tend�ncia: em media estamos perto das 300 pageviews, e noto pelos registos que a quantidade de visitas de paises,bem longe de Portugal � agora cada vez maior.Na totalidade, desde o inicio de actividades do clock que actualmente rege esta tasca, mais de 60 mil page views.Objectivo chegar o mais perto possivel das 100.000, no final do ano.Parece um relatorio e contas do CEO ...rsss.mas creio que � justo que todos aqueles que directa ou indirectamente , t�m a ver com o Vr, saibam de 6 em 6 meses , as contas desta SAD: SOCIEDADE ANONIMA DIGITAL.....

BANDA SONORA: agora , no filme do Grandioso e Indescritivel, Chuck E WEISS




escrito por alvaro �s 4:39 da manhã
|




 

HOWLIN WOLF: Ainda hoje, a voz de Howlin Wolf, rasga a noite.Derruba arvores.Ecoa sem misericordia , pela noite humida e cheia de sons.( o slide das folhas ; as sinfonias de grilos; os ecos do pantano, que escutei numa longa e nocturna viagem pelos estados do alabama, mississipi e louisiana).Esta voz nao � terrena.Nem tem explica��o.Apenas a de um lobo uivante que por ali tera vivido e re.incarnado em Chester Arthur, homonimo do vigesimo primeiro Presidente dos USA.Little Red Rooster, numa Spoonfull de Smokestack Lightining.Sem tempo; nem idade; nem momento.E nao consigo sequer entender que estes sons t�m mais de 50 anos sobre a sua grava��o e mais de 100 desde que os terao originalmente criado.talvez nao saibam , mas minha grande paixao musical � a historia do Delta.Por isso, e enquanto preparo a primeira parte de mim mesmo( duas horas, a come�ar rigorosamente �s 10, numa especie de pr�-hours, mesmo que � beira MissiDouro estejam apenas os fantasmas e o Sinatra Pasteleira ), uma serie de audio memorias regressam.Sem esfor�o.Como a primeira vez que efectivamente olhei o Rio.Esse.o Mississipi de todos os sons.

BANDA SONORA: The Wolfman.O unico .Howlin , como sempre.Para sempre




escrito por alvaro �s 4:04 da manhã
|




 

ESCURA � A NOITE: Horas perfeitas.Para o som do Delta.E mesmo que o livro que estou a ler, procure racionalizar alguns mitos e " deitar agua fria" em especial para o cinema , ouro, que tem sido realizado � volta em especial do misterioso Robert Johnson, o feeling , esse � unico.Charley Patton,Skip James, Blind Lemmon Jefferson,T Bone Walker e todos os fantasmas que convidei para criar uma jook joint, � beira Paulo da Gama � Foz, vao re.aparecer pela mao do Sinatra Pasteleira mais logo.A mirar Gaia e pessoalmente celebrar uma especie de Mississipi � beira Douro

BANDA SONORA: Blind Willie Johnson.E de facto a noite � mesmo dark




escrito por alvaro �s 3:54 da manhã
|

 



quinta-feira, abril 14, 2005

 

ISCA-SE COMO DIZ O CESAR MTVP FERREIRA: Nao foi por acaso que antecipei para os " leitores", as cenas de Reed chez nous , h� exactamente 24 anos e 1o meses.Alias, sempre que me contactaram para bitaitar sobre a cena , e justi�a seja feita,passei a bola para um homem que foi definido pelo Neil Conti dos Prefab Sprout , quando a banda esteve em Lisboa pela primeira vez, como o membro imaginario ou invisivel dos Spinal Tap.Joao Afonso, o mesmo que nao consegui dizer Rui Aguas aos altifalantes da Luz quendo este ali jogou com a camisola do FC Porto.E que de facto esteve com o artista nessa noite.E me contou a historia, embora eu proprio ja a gatinhar nestas cenas da comunica��o, tambem estivesse envolvido e conhecesse pessoalmente algunas das cenas de bastidores que explicaram o tao dramatico cancelamento.Mas nao me ficava bem , responder aos inqueritos , embora o pudesse ter feito.A onda criada pelo ainda hoje activo executivo da Sony/BMG foi de tal ordem que quando Conti regressou a Inglaterra, e alias acabaria por particpar numa edi��o do Via Rapida, continuava a demonstrar um afecto especial pelo atomico Joao Afonso.Acabei de olhar o JN electronico e poderia dizer : � bitaitar , vilanagem.Tudo opinia, bitaita.Sabe.Define.Entre eles o inefavel e inexoravel Abrunhosa.Himself: a Vice presidente.ou entao , arranje-se uma noite semanal.Ou � ultima hora destitua-se os Cla de realmente inaugurarem a House.Qu� onda Guero?Lord Have fucking mercy!!!!!!!!!!por essas , outras e estas � que nao tenho apetites nem paciencias para estas merdas e cargos.Por isso, nem me pus em bicos de p�s, nem na fila, nem em cima , nem em baixo.Por isso, e vao re.ler um post sobre esta cena, h� muito que estava out.Apenas e s�: e creio que especialmente o Porto entende: viva a casa da musica.Que sirva toda a gente.Que seja um sucesso.Porque um orgulho e um icon mundial, j� o �.De resto estou e foi dos poucos lucidos, como o AP Vargas: esperem um pouco.Fa�am balan�os no momento certo.Por agora , celebrar a abertura; desejar o melhor e que acima de tudo o dinheiro gasto por todos nos ,seja compensado....

BANDA SONORA: ainda antes do cimbalino e dos jornais desportivos, o muito recomendavel ESOUL.Para igualmente postar a serio, brevemente neste blog perto de si




escrito por alvaro �s 8:17 da manhã
|




 

DIRTY BORRACHO SAYS " QUE PUTAS" ?: vegetable van with the horn thats honking: a carrinha das frutas e hortali�as que ainda hoje faz parte do dia a dia das comunidades hispanicas dos USA

tj cowboys hang around: cowboys de Tijuana ou TJ como se diz na california do sul

vatos vergallos: vatos sao chicanos , americanos de origem mexicana, nao propriamente filhos de boas familias; vato corresponde ao termo nigger.A usar com o maximo de precau�ao e respeito.Ou seguran�a.Nao va a coisa dar para o torto...

rampart boys with loaded rifles: tanto pode ser da police; como os hispanicos da Avenida Rampart.Em Geral nesta area de LA sao da Guatemala ou de El Salvador.

aqui e com muito humor, Beck inclui Andelay, provavelmente teria sido este o titulo do classico dos 90.

e a seguir guatemalan soccer ball: jogos do nosso futebol nos boulevards hispanicos de Los Angeles

mango ladies vendedoras at a bus stop: imagem comum em Los Angeles: a das vendedoras de frutas , nas esquinas ou perto de paragens de autocarro

sing a banda macho chorus: referencia ao estilo corrido, norteno, de enorme influewncia germanica das bandas do norte do Mexico

apenas e s� um glossario simples que procura visualizar o universo de que provem em grande parte Guero.

BANDA SONORA: cool -hipnoise; a que voltarei brevemente.Agora em post ; " a serio"




escrito por alvaro �s 7:17 da manhã
|




 

�S BEZ, BEZ!: Hilariante; inclassificavel( aten��o ao traicoeiro portugu�s; nao quer dizer inqualificavel de conota�ao negativa); demente e de.mente marada como a de Mark Berry , � por vezes engra�ada MixMag.Quem? Mark ? Berry? exacto.Alguem a quem pediram em finais de 80, para estar todo f....dido; mamar XTC e todas as pastilhas conhecidas ou des.conhecidas pela ciencia, e tocar , ou melhor chocoalhar maracas.Esse mesmo: o vencedor do Big Bro dos famosos brit.E apenas porque dois dos seus compadres da antiga mad.chester recusaram o convite.E ambos sugeriram BEZ; o incomparavel Bez: que um dia mandaram para as Bahamas para que a banda fugisse dos habituais estimulantes .Um pequeno pormenor: entao Nassau era a capital do crack caribenho.Resultado : duas fracturas de bra�o e historias que e por exemplo 24 hour party people nao chega a desenvolver.Entre os concorrentes estava Germaine Greer.A escritora, activista , hippie.Que para Bez "apenas" significava alguem que tinha ido para a cama com Frank Zappa e Jimi Hendrix.Sem dinheiro, cuidando de filhos teen-agers, Bez confessa porque foi para a " jaula"; a alegria de ter ganho, pelas razoes que j� expliquei; o sofrimento que era nao poder estar bezaina nem fumar ganzas , nem poder praticar as " binges"( excessos de dias e noites seguidos, como ele gosta).Como explica��o para a vitoria: a honestidade e o facto de uma gera�ao , agora nos 40 e pelos vistos a ocupar os seus tempos livres com tele.visao, se olhar ao espelho, atraves da sua vida e obra...grande Bez.E num acesso de dignidade, revela ainda que recusou entrar no novo Big Brother: o dos nus!!!!!
Nao era melhor que algumas das figuras, figurinhas, figuretas que "andem" ai,assumissem que � bom ganhar dinheiro e aproveitar a exposi��o para o que quer que seja, em vez de andarem para ai com as tangas, e hipo.crisias enjoativas?mereceriam o mesmo respeito de Bez.que de facto tinha de concorrer.Nao podia recusar o bling....

BANDA SONORA: Mais picante que um gumbo de New Orleans.Ou do que arroz de crocodilo a cajun: explosivas remixes para Jon Spencer




escrito por alvaro �s 6:45 da manhã
|




 

BLING=?: Um neo.vocabulo: Bling.Este sem tradu��o lusa.Ou e se alguem a tiver, que avance.Basicamente joias e afins; dentaduras; medalhoes;jantes, gajas "caras", e sei l� que mais.Uma cultura de excesso inacreditavel, bem representada entre tantos outros por Lil Jon, Usher,e apenas como exemplo recente o clip Ja Rule/ R Kelly/Ashanti, ou as hilariantes cenas de Andre Benjamin e Cedric the Entertainer, que resumem essa cultura , naturalmente em contexto filme/ satira.Os clips, e ainda recentemente, recolhi os 25 mais criativos do estilo West Coast, sinal que uma subcultura video existe , embora e por razoes obvias , bem menos divulgadas entre nos.Pelo m,enos at� � chegada da Radical e naturalmente da MTV P que os inclui numa boa por�ao da sua programa�ao.Tudo isto a proposito de 50 Cent e do seu Piggy Bank.E de o clip de Ja Rule estar a passar exactamente agora.E as blacks todas malukas e bem nutridas a darem cabo da paci�ncia aos homes.( assim mesmo.como se diz na minha terra).Oh R KELLy. nao adianta dar ordens .Nao esta na igreja.Olha para o Rule.Bem mais laid.back a fumar charutos e a beber champagne...

BANDA VISUAL: um mash inventado: 50 cent nos headphones.O filme com base em Miami( 0nde haveria de ser?) em formato filme mudo




escrito por alvaro �s 6:23 da manhã
|




 

ESTADIO DOS FESTIVAIS.TOU XIM!: Estava uma noite destas a " gastar" dinheiro na FNAC, quando escutei pedidos de informa��o, sobre o tal Festival Porto/Lisboa com o patrocinio TMN.Uma ideia que alguem me tinha confidenciado, e nao me consigo lembrar quem, era e na altura,mais gasolineira do que telefonica.Seja como for a duvida , era a data,o facto de a epoca ainda nao ter acabado / e tomara que acabe rapido/ e um sem fim de duvidas, bilhetes e pre�os incluidos.Mas a edi��o de hoje do Jogo, quem diria, inclui algumas novidades , e informa�oes que de facto escasseiam .At� no site oficial das estrelas , N.E.R.D, congelado h� algum tempo, nada consta.E no site da Pollstar, apenas que a banda nao esta "on tour".Seja como for, confirma.se que estadios 04,vao ser mais utilizados; que o Porto vai, e tem mesmo, de entrar no circuito de Primavera, isto � , pr� Verao, j� que summer in the city, esque�am.; que o Dragao pode vir a ser um local optimo( experts da materia ja mo disseram;que se trata do estadio melhor equipado para grandes concertos)Quanto ao menu , nao comento.Ver para crer.Mas algures a caminho de um Festival Hip Hop...

BANDA SONORA: Lee Coombs V NEW ORDER

p.s. vou tentar saber quem organiza.De momento nao fa�o ideia nenhuma.




escrito por alvaro �s 5:45 da manhã
|




 

RADIOS E RADIO: A ida ao Radio, fica mesmo bem esta expressao, � um misto de curiosidade e de abra�o metaforico ao Dr Rock and Roll que cumpriu o que me tinha maois ou menos anunciado, e ja deve ter passado mais de um ano, num almo�o portuense no Bolhao, ali bem perto do escritorio, este " real", do advogado, Dr Ricardo Salazar.O set , � duplo e por isso a makakada, da primeira parte de mim proprio.Das 10 �s 00, o regresso esperado e muito ansiado....poix...do Sinatra Pasteleira e os seus blues marados, bandas sonoras bizarras e sei l� que mais.Das 00 �s 02, chega o City Pasteleira.Com um set nao tao directo � barriga como as versoes Clinic/Pink, mas digamos uma versao um pouco mais soft e experimental.No Radio, esta sexta.Mais ou menos em frente da Alfandega.Lado direito de quem vai da Ribeira para a Foz.Sintonizem-se

BANDA SONORA: Tricky a dar vox aos Jam and Spoon.Que alias recuperaram e bem Jim Kerr.Oh yes: vive la f�te




escrito por alvaro �s 5:05 da manhã
|




 

A NOITE AINDA � UMA JOVEM CRIAN�A: J� estou a preparar o set Pink Diablo Santo desta noite.Para alem dos filmes e sao 3, integrados no Festival Curtas e Boas , pensado pela In�s Leao e pelo Tiago Stressless Dias, o rancho del Diablo: mixes novas para Beck e igualmente explosivas, re.tratamentos para a Blues Explosion, possivelmente as mais swingadas e electro roll que j� terao sido feitas para a banda.Future Funk de Detroit sob varios formatos ;se chegarem a tempo, soulwaxV daft punk; uam serie d eidieas sonoras � volta dos New Order, entre tantas outras " guloseimas " sonoras.Sex on The Beach, ainda com algum frio de Primavera.Mas a visao do projecto das quartas � mesmo o de concretizar uma ideia, bem mais abrangente do que a sua versao actual.Na proxima semana , j� vamos incluir o Video digital Show da autoria do Diogo Vieira com base em imagens de Miami, afinal a inspira��o, ponto de partida , concept para esta ideia.Com trabalho e passa palavra a versao PARTY UP do Dogg Pasteleira, acabar� por funcionar.Se e mais tarde, for possivel juntar mcs, freestyle e at� dan�a, entao ser� sinal que e metaforicamente h� mesmo Sex on The Beach

BANDA SONORA: borrachos; ondas; gueros; cervezas,dj cowboys.De repente sou transportado para o Mission District de San Francisco; para Downtown LA; para East La, para Tia Juana.Que onda, Guero!




escrito por alvaro �s 4:19 da manhã
|

 



quarta-feira, abril 13, 2005

 

CULIN�RIA-POP:

A receita at� parece simples: pega-se nos B-52's dos primeiros 2 �lbuns, acrescenta-se umas pitadas de A CERTAIN RATIO, juntam-se uns p�zinhos de ESG, espalham-se uns temperos electro-pop � NEW ORDER e, por fim, mexe-se tudo muito bem mexidinho. Deixa-se ferver em lume brando, para n�o salpicar, e...voil�! O resultado final, garanto-vos, � delicioso e absolutamente viciante, e pode ser escutado em "Let Us Never Speak Of It Again", o novo longa dura��o dos norte-americanos OUT HUD. Em 2005, acreditem, poucos discos v�o ter este sabor. Provem e depois apare�am por aqui para dizer o que acharam deste pop-cozinhado.




escrito por Paulo �s 11:48 da tarde
|




 

POSTO DE ESCUTA - MAR�O/ ABRIL 05:

Nos �ltimos dois meses, chegaram-me aos ouvidos alguns dos t�tulos que aguardava com maior expectativa em 05. Refiro-me, em particular, aos novos �lbuns dos New Order, Fischerspooner, Beck, Kent e Vitalic. De registar ainda a edi��o dos trabalhos de estreia de gente como os The Bravery, Kaiser Chiefs e Kaos, discos que na sua maioria eram h� muito conhecidos c� por casa, via-"p�ssaro azul". Desilus�es tamb�m as houve. "Bleed Like Me", dos Garbage, e "The Refugees", a primeira amostra para o primeiro �lbum dos The Tears, ficaram muito aqu�m do esperado. Em alta continuam as sonoridades amigas das pistas de dan�a, em especial os sons derivados do Electro, como o Electro-Punk, Electro-Funk ou l� o que lhe queiram chamar (por favor, s� n�o lhe chamem "Electroclash"...). Pelo meio, ouve ainda tempo para recuperar velhos cl�ssicos. Eis os sons que me t�m acompanhado nos �ltimos dias:
> �LBUNS/ EPs/ COMPILA��ES:
- NEW ORDER: WAITING FOR THE SIRENS CALL
- INTERPOL: C'MERE ep
- THE BRAVERY: THE BRAVERY
- KAISER CHIEFS: EMPLOYMENT
- FISCHERSPOONER: ODYSSEY
- OUT HUD: LET US NEVER SPEAK OF IT AGAIN
- KAOS: HELLO STRANGER
- GORILLAZ: DEMON DAYS
- MORRISSEY: LIVE AT EARLS COURT
- BECK: GUERO
- VITALIC: OK COWBOY
- KENT: DU OCH JAG DODEN
- X-LOVER: PLEASURE AND ROMANCE
- ULRICH SCHNAUSS: A STRANGELY ISOLATED PLACE
- 12"/8O's: V�RIOS
> SINGLES / TEMAS/ REMISTURAS:
- BLOC PARTY: this modern love (dave p & a sparkles ... remix)
- THE BRAVERY: an honest mistake (superdiscount remix)
- BLACK REBEL MOTORCYCLE CLUB: stop (coburn remix)
- NIRVANA: smells like teen spirit (dirty funker emix)
- SMASHING PUMPKINS: 1799 (the new originals remix)
- VHS OR BETA: night on fire (carlos d remix)
- BRAZILIAN GIRLS: don't stop (riton re-rub remix)
- CHEMICAL BROTHERS: believe (erol alkan remix)
- PINK GREASE: peaches (riton re-rub remix)
- DURAN DURAN: the reflex (fake id ... remix)
- SWEEET LIGHT: abusator (black strobe remix)
- TIGA: louder than a bomb
- BECK: still missing (royksopp remix)
- THE MFA: the difference it makes (superpitcher remix)
- CHICKEN LIPS: do it proper
- SNEAKER PIMPS: bloodsport (dbx 160 remix)
- ALTER EGO: rocker (black strobe remix)
- MOUNT SIMMS: restless
- TERRANOVA: das plan (punk soundcheck remix)
- IN FUSED: paranoid (scratch massive version)
- ETHAN: in my heart (seelenluft's silvercity bob remix)
- NEW ORDER: krafty (phones reality remix)
- CHEMICAL BROTHERS: galvanize (switch remix)
- FISCHERSPOONER: just let go (joakim remix)
- VILLENEUVE: graceland (konrad black mix)
- SOLVENT: think like us (alter ego remix)
- PHONIQUE ft ERLEND OYE: for the time being (alex kid's cold mix)
- LONGVIEW: further (jack knife lee remix)
- THE FUTUREHEADS: hounds of love (phones wolves ... remix)
- THE FLAMING LIPS: seven nation army (remix)
- SID LEROCK: close again (uncut remix)
- THE OTHERS: this is for the poor (phones bougeois remix)
- M.I.A.: pull up the people
- TELEPOPMUSIK: into everything (mfa full vocal remix)
- U2: vertigo (treat reznor remix)
- DEATH FROM ABOVE 1979: litle girl (masterkraft edition remix)
- NINE INCH NAILS: the hand that feeds
- STEREOPHONICS: dakota
- POST HIT: glamorama
- COLDPLAY: talk
- BADLY DRAWN BOY: come on eileen
- BATTLE: tendency
- THE APARTMENT: o
- HOT HOT HEAT: elevator
>REWIND:
- ROXY MUSIC: FLESH+BLOOD
- DEPECHE MODE: A BROKEN FRAME
- O.M.D.: ORGANISATION
- U2: BOY
- NEW ORDER: TECHNIQUE




escrito por Paulo �s 11:27 da tarde
|




 

BLACK MUSIC EXPERIENCE: Volto a recomendar a www.boomkat.com, nao somente para olhar e "arrumar" prateleira no que diz respeito a novidades e tend�ncias , mas e pelo menos at� agora, resposta rapida e confirma��es de encomendas sem macula.( aguardo apenas a chegada do material pedido � loja de Manchester).Tal como visitas periodicas e em particular � medida que se aproximam os Festivais � I-Muzzik.net.Embora a noticia da presen�a de Robert Plant, incluida no blog B ,e da autoria do rpadua, nao esteja sequer anunciada pelo site oficial , e muito menos pela I Muzzik.O que quer dizer Rpadua 1, IMuzzik, 0.

BANDA SONORA: a pesquisar sons para o Sex on The Beach de hije � noite.Hip hop actual, remixes dancaveis , algumas novidades puras e duras, mas uma boa por�ao do menu recupera soul e funk de 80, black music experience, para todos os gostos e feitios




escrito por alvaro �s 4:06 da tarde
|




 

FRIJOLES E CHIMICHANGAS: Esse efeito , blink; e desculpem estar a insistir tanto nesta expressao, para a qual ainda ano encontrei e no con.texto do novo livro de Malcom Gladwell, uma expresssao correcta na nossa lingua(momento? peda�o?) pode aplicar.se ao novo Beck.De repente, quase toda a gente diz o mesmo: odelay 2; voltar para tras , e recuperar terreno; sobras das esteticas mid-90 e afins.Creio e sinceramente que o tempo far� justi�a a esta desloca��o para sul, para a fronteira, para um imaginario tex mex contaminado e ainda com restos de Sam Peckinpah.E quem sabe da materia( meu hermano, que passa o tempo profissional a sul do norte da america) dizia-me : diz l� ao Beck se o entrevistares de novo, por onde tem andado.Guero, e outras expresseos e formas de comunica��o sao e de facto " propriedade" de uma cultura com filial diplomatica em La Ciudad de La Reina de Los Angeles( g pronunciada r), mas com sede a partir de San Ysidro e Tia Juana como gosto de citar a cidade que ainda h� pouco tempo voltei a ver nos ares dos ceus das californias.Como dizia o outro:ou�am sem pr�.conceitos.

BANDA SONORA: as remixes de sabor a frijoles/ feijoes pretos, de varios temas de Guero




escrito por alvaro �s 3:39 da tarde
|




 

UM POST MUITO PESSOAL: O vais ao Dragao, � agora substituido em em loop, por vais � casa da musica?acalmem.se!Todos terao tempo; e espectaculos.E op��es.E acima de tudo tempo, para nos habituarmos.Ainda esta semana e a proposito de uma passagem pelo Radio a Miragaia, e ao convidar alguem, essa pessoa me recordava que ia ver os Radio 4.A serio: tinha-me esquecido.Isto �, do 8 a0 80, o passo � de tal ordem que o quantum leap mexe e muito.E como recordava o dr rock and roll num post recente , citando o filososofo John Lennon, nesta fase sao os " outros" que vao chocoalhar as joias, metafora para dizer que como � habitual o primeiro milho � para todos os pardais.Deixem a cena arrancar, confirmar se o Jose Couceiro ingl�s, continua na proxima epoca , e dar tempo ao tempo.Os sinais pop-rock parecem-me positivos.Por isso relax: e como muitos tambem nao vou estar em nada de coisa alguma nesta fase de arranque.Compromissos, e alguma j� antiga dist�ncia aos tais primeiros tempos deste tipo de cenas, explicam.no.Mas tambem e encerrando este post onde come�ei nao irei ao Dragao.Forma de protesto humilde e sem import�ncia.At� porque e metaforicamente acho bem mais importante e significante que alguem, tenha decido "arrumar" o hino , o segundo hino nacional, cantado pela Maria Amelia Canossa, que desde menino ouvia e me fazia emocionar, preparando-me para a " batalha" cultural que se iria seguir durante 90 minutos." Modernismo " idiota, e revelador dos tempos nouveau riche ,que se vivem para aquelas bandas, com que alguns ,agora muito activos na sua "lucidez" de pensadores clubistas, perante o leao ferido, e moribundo, pactuaram, e alimentaram nas suas cronicas autistas....

BANDA SONOR: o hino do "meu" FUTEBOL CLUBE DO PORTO."ESSE" por quem j� fiz algumas malukeiras, nao " ESTE" que se pavoneia em pose de rico, de Centro Comercial.




escrito por alvaro �s 3:18 da tarde
|

 



terça-feira, abril 12, 2005

 

EL DIEZ: Primeiras noticias via Madrid e cortesia de Luis Marad� El Diez Oliveira: no showcase dos Coldplay, Ronaldo e Figo.; � o que faz estar fora da Champions e com a moral em alta, isto � a 6 pontos do arqui-inimigos....

BANDA SONORA: as beats e re.beats do Playgroup.




escrito por alvaro �s 1:08 da tarde
|




 

VIVA EL SNOOP: Ainda antes dos jornais desportivos e do cimbalino: Snoop Dogg vai passar uma boa parte do Verao, em especial Julho ,na Europa.Festivais como o de Werchter, estao no roteiro.Vilar de Mouros? Hello?!!!!!

BANDA SONORA: o Tio Snoop, e um dos seus muitos sobrinhos: Pharrel, Justin ...




escrito por alvaro �s 8:51 da manhã
|




 

58%: Apenas o confirmar que � possivel escrever com um " design de conteudo" bem mais arejado e criativo do que e j� falei disto 1234 vezes, forma academica, autoral e sem humor, com que uma por�ao da critika imprensa nacional , continua a debitar as suas ideias.Local: Magic Revue Pop Moderne, em subtitulo.Pagina:18.Pe�a: Que ser� deles? E eles sao os Bloc Party.Conclusoes: 54% em que poderao vir a ser os novos Oasis; 55% os novos U2 e o cenario catastrofico , os novos Stones Roses, uma possibilidade que chega aos 56%.Sob os titulos: cenario Voici, isto � Nova Gente francesa;cenario estadio; e claro o cenario desmembramento explosivo.E de facto come�ei a incluir a Magic no quadro de honra ; a seguir com alguma aten�ao,e a caminhar rapidamente para se tornar na nova Les Inrockuptibles.Com e na opiniao do Vr, com 69% de possibilidades em o concretizar..

BANDA SONORA: Ainda Adore.Se fosse remixer amador aproveitava algumas ideias.Mas h� que diz�-lo que e agora , "tantos" anos depois , que se trata e soa mesmo assim, do primeiro album solo de Corgan.Enquanto esperamos pelo oficial.E insisto: pela re.forma�ao da banda.Aposta VR:finais de 2006.Com 67% de possibilidades efectivas...




escrito por alvaro �s 8:22 da manhã
|




 

QUANDO 4 DA TARDE, SAO 4 DA TARDE; OU COMO HOJE OS " faxes" SE PERDEM MENOS.: Creio que existe mesmo uma nova gera�ao de " gestores de talento", "ideia.ologos", pro.motores; na forma como gerem o seu tempo, como respondem ao que lhes � solicitado.Dois casos: o mini festival de curtas , e imagem em curso nas noites de quarta e quinta no Pink.Ideia que o Tigao Stressless Dias incluiu e bem no Santo Diablo.De uma forma muito atraente, ligam.se varias faculdades e nomes , sob a direc��o da In�s Le�o que conheci na semana passada e que criou e de facto um espa�o , para que estas Curtas e Boas possam existir.Sao mais de 20 e no proximo Santo Diablo , sao 3, a serem exibidas antes da malukice do DJ El Diablo Santo.Um outro: a forma rapida, directa e objectiva como o management dos ESoul,respondeu a uma serie de e. ping.pongs.Longe vai o tempo em que os faxes se perdiam; os telefones estavam avariados.Quarta era quinta e sexta era segunda.E 4 da tarde, eram 7 e etc e tal.Alias e no caso, dos ESoul, ja sabia , de varias fontes que existia trabalho.Esta provado que sim.At� porque � nos " detalhes" aparentemente menos significativos que se ganham carreiras...

BANDA SONORA: � curioso como Adore dos Smashing Pumpkins soa mais actual agora do que em finais de 90.E se de facto ,at� pelos electro.arranjos , a voz do Tio Billy ser� o ponto mais fraco, re.escutem sem complexos o album.Um desafio de primavera para os amigos leitores




escrito por alvaro �s 8:01 da manhã
|




 

NOVA ORDEM! E J� AGORA: LUZ PARA A AVENIDA AEP .UNIDOS AO BLOGUE: VENCEREMOS ! NO PASA NADA, NO ES MORA?: Sou "assinante" digital do NY Times; comprador da edi��o internacional, o Herald Tribune e ocasionalmente, at� porque nao conhe�o nenunhum kiosk no Porto, que o venda, leitor da edi��o impressa.Tudo para dizer que depois dos escandalos , e do F de Fake, e uma serie de outras makakadas, o jornal parece estar " limpo" e de consulta obrigatoria.At� pela sua especial, antiga e muito detalhada aten��o " �s nossas coisas".Musica incluida.Por isso nao me admirou , a "ante-estreia" da Casa da Musica,no jornal nova iorquino.o VR nao �, de facto, apesar de ser um espa�o aberto a todos os itens da cultura contemporanea, o local ideial para des.codificar a perspectiva " tecnica", do autor.Que alias j� foi elogiada por " outros colegas" da comunica��o social...pois...O meu " Blink" � a frase final:"...e se os nova-iorquinos querem ver o que perdem, que se metam num aviao para o Porto..."Boa ideia.Embora com muitas paragens aero.portuarias.Mas conhecendo os "artistas "como acho que conhe�o, alguns vao mesmo aceitar o convite.E quem sabe ajudar a pressionar no sentido da abertura de uma necessaria e justa ponte aerea directa entre as duas cidades.Zum zum que j� ouvi algures e que nao por " regionalismos bacocos" mas por acreditar na importancia economica.cultural.e at� social , que este factor X , novo iria trazer.E quem sabe ajudar a que os " gravatas" que mandam nestas cenas, ligassem os postes de electricidade , das estradas e avenidas AEP e a fins que continuam escuras como breu....ad eternum.Amen! E li��o numero 2: edificios de ruptura;aposta assumida e solida , s� traz e j� o percebemos beneficios.Que , as autoridades locais nas areas do turismo e da cultura urbana, o saibam aproveitar e potenciar...FIM DE COMICIO

BANDA SONORA: remixes dos New Order para os assaltos sonicos desta semana....




escrito por alvaro �s 7:39 da manhã
|




 

radiohead: 30 dias na sexta. balan�o muito positivo: estamos vivos e a vender droga: quem tem passado pelo RADIO n�o fica imune �s ondas. e sexta celebra-se com

... dois em um e meio. Pasteleira Sinatra, faz a primeira parte do seu alter ego Pasteleira City, no RADIO. Sons de um Delta imagin�rio � beira Douro e de uma Hollywood mental, d�o lugar ao mais electro roll rock and roll do s�culo XXI. Ou como para �lvaro Costa, Blind Lemmon Jefferson, Skip James e The Bravery ou Louis XIV, S�O POP. cultura.


esta semana:

15 abril - sexta-feira
Pasteleira City ( primeira parte Pasteleira Sinatra )

16 abril - s�bado
Fritus Potatoes Suicide: Electro retro rock and pop clash bang zuum tuum!

14 abril - quinta-feira
"Pirate Radio Party" w /Capit�o Salazar. Bring on the Jolly Roger, dance on a dead man�s chest


RADIO - rua de miragaia, n � 167 - junto � alf�ndega - porto. 22 h 00 �s 02 h 00. entrada livre




escrito por Ricardo Salazar �s 12:17 da manhã
|




 

anivers�rios, nascimentos e funerais: tempos r�pidos estes. de repente, tudo muda e vamos ter casasdem�sica onde antes era s� 4�33�� . nesta cidade a quest�o: "� para quando o funeral?"

como em quase tudo, nesta cidade ganha-se pela insist�ncia, ganha-se pelos contactos, ganha-se por falta de compar�ncia e ganha-se com facadas pelas costas.

tudo que se quer fazer passa pelo dinheiro que se tem ou que se quer ter. pelo poder, controle, putas louras na folha de pagamentos e carros de cilindrada. E a casadamusica vai ter o mesmo destino que o hardclub, o rivoli, o coliseu, o s� da bandeira, a alf�ndega e o batalha.

E isso passa pelas pessoas que s�o escolhidas. acho que algu�m disse que, em portugal, fazemos do backstabbing um desporto nacional... Passa pelas pessoas que escolhem. Passa por, quando um promotor de lisboa entender, sempre se fode o esquema ao pessoal inflacionando concertos e complicando as contas e jogando ao gato e ao rato...

o tempo passa a correr e n�o espera por ningu�m.

Post Scriptum: Na minha vida existe um Antes Lou Reed e um Depois Lou Reed. Os Velvet Underground s�o o Futebol Clube do Porto do Rock�n�roll. � claro que nem tentei arranjar bilhetes. I used to wait for the man mas ele chegou 20 anos atrasado ( para al�m de o ter visto 4 vezes ). E, como disse o Lennon, � para aquele tipo de ocasi�es em que os da primeira fila se n�o souberem bater palmas sempre podem chocalhar as j�ias.




escrito por Ricardo Salazar �s 12:01 da manhã
|

 



segunda-feira, abril 11, 2005

 

OS NOMES AOS BOIS.: Ainda uma media-observa��o.A ultima GQ.Edi��o americana da GQ.Com o lavrador/ era assim que se dizia na minha terra/ Russel Crowe.Cujo lado mais " bronx" o mario agusto, documentou muito bem no seu livro/dvd.Entre outras perolas, o agricultor de origem neo-zelandesa diz que nao usa a sua celebridade pare vender fatos e acrescento eu p�p�s no sul da Europa.Ou cigarros no Japao como Harrison Ford.Porque acha que � uma viola��o do contrato social que um actor deve ter.E nao se esquece de citar, mais um nome dado aos " bois", De Niro com a American Express.Depois as referencias musicais: Sham 69, Only Ones e os Buzzcocks.Musica que de alguma forma o define como actor , talvez menos como musico , " profissao" que o ocupa irregularmente.Tudo isto a proposito de uma edi��o especial sobre os 10 maiores actores da nossa epoca.� ver quem l� est�.E porqu�.E: perceber como se pode fazer muito bom jornalismo de pop cultura , muito para l�, mas mesmo muito para l� dos " Bairros Altos" da mente; da televisao da sociedade civil ; e dos kritikos dos milhares de caracteres....

BANDA VISUAL: o novo Gorillaz.Nao li nada ainda; e creio ser de novo a voz de Albarn.Cada vez mais Kink.Mais Ray DAVIES.Seria um projecto giro para este people remixar a serio , material original dos por vezes subalternizados e ignorados Kinks, afogados numa onda ...ia dizer v....mas nao: onda Beatles, Stones,,,,,




escrito por alvaro �s 2:39 da tarde
|




 

MAGIAS: J� fiz refer�ncias sem grandes desenvolvimentos, sobre um magnifico e certamente influente trabalho da sempre atraente Wired.Curiosamente, e ainda na semana passada, o Herald Tribune/New York Times International, fazia refer�ncias � neo-radio e para terminar com a tal cerejinha , a Reuters via Yahoo, sintetiza as energias digitais em curso.Mas agora surge um dado novo, alias parte integrante da pe�a da Wired que te como rosto visivel , o ainda bem conhecido entre n�s,Adam Curry: podcasting.Palavrao? possivelmente , mas facil de des.codificar: emissoes " pessoais", para os Ipods, conceito expremos de auto-emissao( self.broadcasting),nova e explosiva alternativa a criar ondas , e popularidade ."Programas" como download, sobre os movimentos de tripa do seu autor ou as audio-discussoes de um casal do Wisconsin, sao exemplos exagerados e grotescos das possibilidades deste novo media.A seguir com muita aten��o...

BANDA SONORA e VISUAL: os samplers da Magic, e o conteudo de uma revista, " filha" das Les Inrockuptibles , mas actualmente mais musical e " certa2 nas suas perspectivas.Capa deste m�s:pose glamoramaroll dos inevitaveis The Bravery




escrito por alvaro �s 1:51 da tarde
|

 



domingo, abril 10, 2005

 

DILLINGER.O OUTRO.EM FORMATO CLINICBA�A: Nao diria tanto com um dos alucinados que durante toda a noite s� me dizia que eu era punk e um outro que me tera dito umas 6 vezes, que estava a " partir aquela merda toda..".Mas diverti-me de uma forma especial, alias j� estimulado, por um fds bem marado, numa cidade onde e de facto acontecem muitas coisas para a sua dimensao geografica.E foi um prazer muito grande, comunicar com o gang de Le�a, os Expensive Soul para quem dediquei um mini set Gangsta and Roll que come�ou com Dr Dre e terminou com o inesquecivel e grandioso Dillinger e o hino de uma certa Gera 80, Cokaine in My Brain.Gostei muito da atitude e da presen�a, confirmando perspectivas que j� me tinha sido comunicadas por gente em quem confio mais do que plenamente...


BANDA SONORA: um momento Cliniba�a: Hey Jim! Thats not thre way u spell New Yourk.RIP Dillinger, Jamaican gangsta.




escrito por alvaro �s 3:53 da tarde
|




 

AINDA , E MAIS DO QUE PERDIDO: ...E por amor de todos os deuses televisivos: nao percam The Lost.Poderia definir a bizarra e
" tarantuliana" ideia , como Twin Peaks em Acid.O que poderia ser uma perspectiva da minha
"estreia " como actor de video.clip.Como mafioso de frontera, num mini policial que vai e em principio definir , visualmente o proximo single dos Loto.What a Nite, brothers and sisters..

BANDA SONORA: a confirma�ao que a remix de Do Something da diskofreak Spears funciona mesmo..




escrito por alvaro �s 3:32 da tarde
|

 



sábado, abril 09, 2005

 

LIVE FROM VATICAN CITY.SURROUND. 5.1: Bem perto do austero Mosteiro de Al Cobaca, uma perspectiva.Estava uma destas noites na gasolineira,entro paroquial, salao de festas e area de ocupacao de tempos livres que se chama BP da Catolica, quando reparei numa brutal e definidora capa de revista.A brasileira Veja.Um homem, mais do que um Papa, tenta desesperadamente comunicar.Quem sabe, interiormente, despedir/se.A foto ,capta o momento preciso, em que nao o consegue fazer.Segundos antes de, e rapidamente maos invisiveis afastarem o micro e a cadeira Papal das vistas electronica.O momento de despedida foi de facto esse.Momento cirurgico, preciso, clinico.O Papa da comunicacao desaparecia para os interiores do Vaticano.Sem ter conseguido comunicar .Por um segundo que fosse.Uma ironia cruel e que por isso mesmo poucos foram os que na torrente enjoativa, febril de nada, do zero.zero.loop , o terao observado.E que dizer dos kilometros de coisa alguma, que durante uma semana,alimentaram a curiosidade electronica, e que transformou reporteres em sacristoes militantes, caras santificadas , exageradas , quase grotescas na afirmacao , que a televisao amplifica, da mais enjoativa falsidade.E pivots de matinee, nas Virgens mais puras , prontas a ir para o Carmelo de Coimbra do audio /visual.Alguns , poderiam ter aprendido, ou espreitado alguns momentos da cobertura da Globo.Aprendi mais em 10 minutos sobre as maquinacoes rituais da Citadela do Vaticano, do que e imaginemos toneladas de laranjas e respectivo e seco sumo informativo, produzidos pela generalidade televisiva portuguesa.O Papa media, o primeiro da Historia da Igreja Apostolica Romana, morreu Live.Sob os mesmas miras que, e de facto uma das perspectivas essenciais do seu pontificado,que utilizou com enorme sentido e Visao.Live From Rome.Em rigoroso DVD.Ate ao ultimo segundo.O que e por caso observei num report da RTP, em que a Pra�a era como que descrita em tom de fim de festa.Ou fim de concerto.Era e apenas um gomo da laranja.Uma visao de perspectiva.Se nao soubesse o que tinha acontecido, era essa a que fixava.Como o explica e bem Malvcom Gladwell em Blink.Perfeitamente logica, e au naturel...

BANDA VISUAL> possivelmente ate porque a paroquia , o bairro pode ser o Mundo, o momento que mais me tocou foi de facto um documentario alias muito interessante da RTP sobre as visitas papais a Portugal.A do Porto.A da homenagem ao trabalho.E a cidade que na altura representava essa imagem .E de facto a telegenia , a energia , a pose de rock star Apostolico.Em contraste com a timidez, outra imagem que retenho, com que foi apresentado ao Mundo, creio a partir da mesma janela de onde se despediu fisicamente,,,




escrito por alvaro �s 7:51 da tarde
|




 

MELO.DIAS DA SOUL MAIS OU MENOS PROFUNDA: Esta noite e por estas bandas o Tio Melo D.ia e os rapazes da terra mais bonita de Portugal, os Expensive Soul.Sao eles quem o diz.Eu diria Caxinas ou F Town.Wha Wha tever.Sobre os ES, uma nota> existe paciencia e um curso.Espero apenas que se possam isolar de alguns excessos de media ou atencao des.medida.E que a personalizacao do que estao a construir se faca com argamassa bem dura.Falta ainda a canela .A cerejinha.E mais rodagem.O proximo album, embora este esteja a viver uma segunda vida, sera fundamental para se perceber se esse potencial vai ou nao ser materializado.Melo D.ia ocupa agora um espa;o bem mais afrocentrik.Existiram momentos em que parecia que o aviao estava pronto a descolar.Mas nao sei se o tanque dele esta cheio da gasolina necessaria.Ou se a margem, a outra e a dele, nao sera mesmo o lugar certo.Nem todos cabem no rio que como dizia Brecht comprime as margens...

BANDA SONORA> uma poderosa e explosiva remix para Do Something.Como Dj amador nao tenho complexos.Nem hesitacoes.O teste foi feito no Santo Diablo.E ontem no Space .Hoje nao ha duas sem 3.




escrito por alvaro �s 5:12 da tarde
|




 

ESPIRITOS MATAVAM MAIS OU MENOS 200 PESSOAS POR NOITE: Espiritos matavam ,e aqui reside o factor x desta bizarra mensagem, mais ou menos,dito cravado com toda a clareza ,200 pessoas por noite.Um grafite alco.baca, afinal os rios que dao nome a esta Twin Peaks do Oeste Lusitano.Pintada nas paredes do vetusto mosteiro cuja area em volta, ja foi classificada pelos ilusres locais como Nova Bosnia, face ao volume de obras em curso.Nao sei pk mas divirto/me muito por aqui.E para quem ate nem gosta muito de deixar la Foz del Oro, passo por alco.baca muitas vezes e pelo andar da carruagem , pelo menos uma vez por mes, a partir de agora.Divertida a conversa com Richard ,o Red Snapper que hoje parte para uma noite no insolito Insolito de Braga.Mais do que Vietname mental o resto da noite chez Rei.El mas grande.The one and only Jose Miguel Gedeao.E fico por aqui......rssssss

BANDA SONORA > no popo kosta.Bowie mixado, e salvo seja re.montado.Estreia.Na Clinica.Lets Dance 05




escrito por alvaro �s 4:58 da tarde
|

 



sexta-feira, abril 08, 2005

 

O CUBO.THE HOUSE.THE MUSIC: Passei de novo , e a altissimas horas , pela area do Cubo.The House.Of Musica.Templo de luz e efeitos pelo menos nocturnos.De dia, desconhe�o o efeito.Raramento ali passo.Mas espero que o Cubo.The House.Of Music.Se torne num ponto de partida e chegada da area envolvente.Ainda � cedo seja l� para o que for.Embora note que alguns comicios baixaram de tom.As persegui��es desaparecem como que por magia.E at� o Abrunhosa j� pode tocar na sua cidade, que ele tanta ama e protege dos maus.Mas posso dizer que conhe�o o departamento de pop .rock.E que j� se esta a ver alguma energia e direc��o.Acredito na dupla que conhe�o, nem sequer sabendo se alguem os dirige, ou se mais alguem colabora com o Fernando e com a Filipa.Que entre outras coisas organizaram os Blue Spot de inicios de 90.Apenas e s� como portuense, e portugu�s desejar as maiores felicidades e sucesso a um projecto tao complexo, como emaranhado e em alguns aspectos granitica e complicadamente tripeiro..

BANDA SONORA: lcd s e felixes e vitalics e as cenas de lo habitual para incendiar Alcoba�




escrito por alvaro �s 4:34 da tarde
|

 






    Webset Copyright © Blogfrocks